Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Jornalista foi duas vezes vereador de Londrina, assessor de comunicação e chefe de gabinete da Prefeitura

A Prefeitura de Londrina decretou luto oficial de três dias pela morte de Naym Libos, falecido na noite de ontem, quarta-feira (1), aos 80 anos de idade. O Decreto nº 1128, assinado pelo prefeito Marcelo Belinati, será publicado no Jornal Oficial do Município.

Naym estava no hospital há semanas, após ter sofrido um infarto. O velório ocorre na Câmara Municipal até as 16h30, quando o cortejo parte rumo ao Cemitério São Pedro, que fica na rua Professor João Cândido, 1.114, onde o corpo será enterrado.

O jornalista atuou como assessor de comunicação e chefe de gabinete do ex-prefeito Antônio Belinati. Além disso, foi duas vezes vereador de Londrina pelo Movimento Democrático Brasileiro (MDB), assumindo como suplente. Em 1973, tomou posse do lugar de Romeu Curi e na legislatura seguinte ocupou o posto de Fiori Luiz. Sua carreira política se estendeu até 2016, quando disputou o cargo mais uma vez, coligado ao Partido da Mobilização Nacional (PMN).

N.Com

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios