Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Licitações incluem computadores e suprimentos para secretarias e órgãos municipais, com lotes exclusivos para micro e pequenas empresas

Com o objetivo de oferecer serviços públicos com cada vez mais qualidade e eficiência, a Prefeitura de Londrina publicou três editais de licitação para adquirir suprimentos e equipamentos de informática. Só em computadores, o Município prevê 416 novos equipamentos, totalmente equipados e atualizados.

Os editais estão disponíveis na página de Licitações, no Portal da Prefeitura de Londrina, e todos serão na modalidade pregão. Os lances serão dados por empresas previamente habilitadas, e vence quem oferecer o menor preço.

Para o diretor de Tecnologia da Informação (DTI) da Prefeitura de Londrina, Marcio Horaguti da Silva, as compras fazem parte do trabalho em andamento para digitalizar o serviço público municipal. “O investimento em equipamentos de informática é fundamental para uma melhor prestação e serviços públicos, para busca de eficiência e, de fato, é a materialização da substituição do meio de papel pelo meio digital. Esses equipamentos serão de grande importância para as secretarias e os servidores”, frisou.

Pelo Pregão Eletrônico n° 305/2020, que será aberto hoje (30), a Prefeitura pretende adquirir 16 cabeçotes de impressão, 128 caixas de cabo de rede Cat5e, uma cabeça de impressão de quatro cores integrada, e quatro cartuchos originais para impressora. Para adquirir todos esses itens, que serão destinados ao Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina (IPPUL) e à Secretaria Municipal de Saúde, o Município prevê uma compra de até R$ 73.982,54.

As propostas comerciais e documentos dos licitantes podem ser encaminhados até segunda-feira (30), sendo que, às 13 horas, terá início o credenciamento, abertura e avaliação das propostas.

Computadores

Por meio do Pregão Eletrônico n° 314/2020, serão adquiridos 16 computadores, incluindo monitor e periféricos, para uso da Secretaria Municipal do Ambiente (SEMA). Os equipamentos devem atender todas as configurações previstas no edital, e o valor máximo estimado para esta compra é de R$127.585,05.

Os itens foram divididos em três lotes, sendo o primeiro de um computador avançado para uso profissional, no valor máximo de R$8.835,00. O segundo lote contempla 11 computadores intermediários, também para uso profissional, e tem valor máximo de R$87.083,37.

Por fim, o terceiro lote abrange mais quatro computadores intermediários, com teto de R$31.666,68. Este lote será de participação exclusiva para microempresas e empresas de pequeno porte.

O pregão n° 314/2020 será realizado no dia 7 de dezembro, em sistema eletrônico. Na ocasião, é feita análise e conferência da documentação exigida pelo edital e também das propostas dos concorrentes, que devem conter a descrição do objeto ofertado e o preço. Os licitantes que forem considerados habilitados poderão dar lances sobre o valor global de cada lote, vencendo o que tiver menor preço e atender todas as exigências para o produto.

A Secretaria Municipal de Educação também fará compra de computadores, para repor as máquinas nas unidades municipais de ensino. O Pregão Eletrônico n° 317/2020 prevê a aquisição de 400 computadores, totalmente equipados com monitores, teclado, gabinetes, mouse e outros itens. O custo estimado para esta compra é de R$ 2.394.668,00.

Este edital também foi dividido em dois lotes. O primeiro contempla 300 computadores, no valor máximo de R$ 1.796.001,00; e o segundo lote, outros cem computadores. Este último será exclusivo para participação de microempresas e empresas de pequeno porte, e o teto de compra será R$598.667,00. As propostas podem ser encaminhadas para a Diretoria de Licitações até o dia 9 de dezembro, às 13 horas, quando haverá a abertura das propostas.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios