Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O objeto do contrato é a prestação de assessoria técnica especializada para formatar o modelo de leilão que irá transferir o controle da empresa de telefonia

A prefeitura formalizou o contrato para prestação de serviços da B3, a responsável pelas negociações na Bolsa de Valores, além da Bolsa de Mercadorias e Futuros, no Brasil. A ordem de serviço será dada nesta quinta-feira. O objeto do contrato é a prestação de assessoria técnica especializada a licitações e alienações na própria Bolsa, para disposição do controle acionário que o Município detém na Sercomtel Telecomunicações. Em outras palavras, a partir de agora a B3 irá colaborar com a prefeitura para  construir o modelo para transferência do controle acionário para o setor privado.  A contratação da B3 foi feita por inexigibilidade, motivada por notória especialização. Este é um passo bem adiantado para a que a prefeitura deixe de ser acionista majoritária da última empresa estatal de telefonia do país.

Para o prefeito Marcelo Belinati, a parceria para formatação do novo modelo de desestatização dentro da Bolsa de Valores é o melhor processo possível dentro do cenário econômico e da telefonia, além de ser o mais transparente, já que o pregão aberto será disputado por qualquer interessado. “O foco é que a Sercomtel permaneça em Londrina e se fortaleça com novas tecnologias, para que continue por outras décadas a ser catalizadora de desenvolvimento para toda a região, sempre de olho no futuro.  Essa é a tentativa mais transparente, saudável e aberta para toda a comunidade, que poderá acompanhar a venda de parte das ações em pregão’, afirma o prefeito.

O contrato tem prazo de um ano, mas a expectativa da prefeitura é que a homologação do leilão esteja resolvida até janeiro. Da parte da prefeitura assinam o contrato o secretário de Governo, Juarez Tridapalli, e Fábio Cavazotti, da Gestão Pública. Foram cerca de quatro meses de negociação minuciosa, que envolveu também a Procuradoria Geral do Município.

NC/PML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios