Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Prefeitura abriu licitação para as melhorias que serão feitas na cobertura, galerias, paredes, pisos, troca de vidros e várias outras

Um dos espaços históricos mais representativos da cultura e arquitetura da cidade, o Museu de Arte de Londrina passará por obras de recuperação e adequação do prédio. Há cerca de 20 anos o local não recebia uma intervenção significativa. A Prefeitura publicou, no dia 22 de novembro, o edital de abertura do processo licitatório para a contratação da obra, que pode ser acessado no Jornal Oficial do Município, edição 3.659, pelo endereço www.londrina.pr.gov.br . O valor máximo da licitação é de R$ R$ 1.380.074,00 e os serviços serão executados com recursos próprios da Secretaria Municipal de Cultura. Os trabalhos terão início em 2019.

O projeto do prédio onde funciona o Museu é de Vilanova Artigas e Carlos Cascaldi. A edificação tem grande relevância para a cidade e foi a primeira construção em estilo modernista a ser tombada no interior do Brasil. O espaço foi construído em 1952 para abrigar a segunda Rodoviária de Londrina, tendo sido ocupado com essa finalidade até 1988. Desde 1993, passou a ser a sede do Museu, permanecendo até hoje como uma referência em diversidade de atrativos culturais e ponto turístico da região, visitado por pesquisadores, professores e estudantes, artistas e a população em geral.

As obras proporcionarão uma série de melhorias que irão abranger a adequação das partes de cobertura e telhamento do prédio, que recorrentemente sofre com infiltrações de água, além de reparos nos pisos externos, em esquadrias e superfície metálica, pintura e adequação de equipamentos de segurança.

Outros pontos importantes da recuperação são ações de desentupimento de galerias, troca de calhas e rufos, subtituição total de vidros para trazer maior conforto térmico ao local, adequações e novos corrimãos e guarda-corpos, recolocação de placas de sinalização, impermeabilização de coberturas, muros e paredes, entre outras intervenções.

O secretário municipal de Cultura, Caio Julio Cesaro, enfatizou a importância da iniciativa e a sensibilidade da administração municipal em cuidar de um espaço da magnitude do Museu de Arte de Londrina, que completou 66 anos de existência e é um marco histórico modernista no Paraná. “A gestão do prefeito Marcelo Belinati sempre nos deu suporte nas ações voltadas à preservação da memória local, e o Museu de Arte é um espaço de grande relevância para a cidade”, destacou.

De acordo com a diretora de Patrimônio Artístico e Histórico-Cultural do Município, Solange Batigliana, as melhorias estruturais proporcionadas pela obra tornarão o museu um local mais confortável, seguro e atraente aos visitantes e funcionários que lá trabalham. “A liberação da contratação da obra é fruto de anos de esforços em busca de recursos para viabilizar as melhorias, que são componentes do projeto de recuperação do Museu que a Cultura possui desde 2011, podendo agora ter início de fato”, disse.

A licitação da obra irá ocorrer na modalidade de Concorrência, tipo preço menor, e a empresa contratada deverá executar os serviços no prazo de 150 dias corridos, contados a partir da data de recebimento da ordem de serviço, que deverá ser emitida em até 60 dias úteis após a assinatura do contrato.

Processo licitatório

O recebimento dos envelopes está marcado para o dia 7 de janeiro de 2019, das 12 às 12h45, na Diretoria de Gestão de Licitações e Contratos, e a abertura do envelope de habilitação ocorre no mesmo dia, às 13 horas, na Sala de Licitações da Prefeitura, na Avenida Duque de Caxias, 635.

Os interessados podem obter mais informações pelo telefone (43) 3372-4118 ou ainda pelo e-mail: licita@londrina.pr.gov.br.

Renan Oliveira/NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios