Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.
Assembleia Legislativa do Estado do Paraná

Primeiro de uma série de fechamentos planejados, bloqueio deve durar cerca de 30 dias; Durante o desenvolvimento dos trabalhos, agentes estarão a postos para monitorar o trânsito

A Prefeitura de Londrina, por meio da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), interditou ontem, dia 1º, parte das avenidas Winston Churchill e Rio Branco. Necessário para o início das obras de drenagem do projeto de construção de uma trincheira com túnel no cruzamento com a Leste-Oeste, o bloqueio ocorre no sentido bairro – centro, no trecho que vai da alça de acesso para a BR-369 até as proximidades da rua Gumercindo de Souza.

Com a interdição, os semáforos sob o pontilhão da rodovia foram desativados e, agora, o único movimento permitido no local é seguir em linha reta. O trânsito nas avenidas Winston Churchill e Rio Branco, no ramal zona norte – área central, passou a funcionar em mão dupla na pista contrária, para depois retornar à posição original.

O acesso de quem vem da zona norte para Ibiporã pela BR-369, que antes ocorria embaixo do viaduto, agora é feito um pouco acima do ponto de bloqueio, na rua Gumercindo de Souza.

Para os que utilizam a rodovia na direção Ibiporã – Cambé, a possibilidade é tomar a Winston Churchill apenas rumo à região ao Autódromo Internacional Ayrton Senna, já que a conversão à esquerda que antes existia na altura de um posto de gás natural foi desativada. No sentido oposto, a alternativa é seguir pela via ou virar à direita para entrar na Rio Branco.

Já para os motoristas que seguem da área central para Cambé, o trajeto indicado é composto pela Winston Churchill até o retorno próximo à rua Edwiges Massagardi Baldan, onde é possível tomar a pista no sentido inverso e pegar a alça de acesso para a BR-369.

Para orientar os condutores, a CMTU fez a sinalização do trecho e realizou a instalação de placas em todo o entorno. Durante o desenvolvimento dos trabalhos, que nesta etapa das obras deve durar 30 dias, agentes de trânsito estarão a postos para monitorar o fluxo. Nesse período, a recomendação da companhia é que os motoristas redobrem a atenção e reduzam a velocidade.

Obra

Com investimentos iniciais na ordem de R$ 25 milhões, a construção da trincheira entre as avenidas Rio Branco e Leste-Oeste promete agilizar os deslocamentos entre a zona norte e a área central de Londrina. A intervenção prevê a edificação de ciclovia, novo sistema de drenagem, pavimentação e iluminação. As ações são conduzidas pela empresa TCE Engenharia, vencedora do processo licitatório.

Danylo Alvares – Assessoria CMTU

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios