Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Prefeito Marcelo esteve na quinta-feira pela manhã, para conhecer a nova decoração da ponte, que foi feita pela empresa Brandt, que adotou o local pelo programa Boa Praça, em parceria com a Codel

As pessoas reparam, param e fazem selfies, fotografam, filmam. A nova vedete das imagens londrinenses é a Ponte dos Guarda-Chuvas, lançada hoje, quinta-feira, no Lago Igapó II, pela Prefeitura de Londrina. A exemplo de algumas cidades do mundo, Londrina agora conta com uma passarela enfeitada com guarda-chuvas coloridos, que fica  entre as avenidas Maringá e a Airton Senna. Não foi preciso gastar recursos públicos para promover o encantamento. A ideia do Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel) foi colocada em prática pelo programa Boa Praça, no qual empresas tornam-se responsáveis por áreas públicas.

Todo o entorno da área também será cuidado a partir de agora pela empresa Brandt, produtora de insumos agrícolas presente em 65 países no mundo, e que tornou-se, com a parceria, responsável pelos custos e manutenção do projeto. A empresa, há seis anos no Brasil, decidiu investir no Lago Igapó II para agradecer de alguma forma a boa recepção que teve em Londrina, onde mantém um escritório. O americano Rick Brandt, proprietário da Brandt, contou para o prefeito Marcelo Belinati que está encantando com a cidade e que continuará investindo na região, com a construção de uma fábrica de fertilizantes.

O prefeito Marcelo Belinati também fez selfies, mas principalmente reforçou, os agradecimentos à empresa parceira e a outros empresários do segmento de turismo, representados no lançamento pela governança do setor. “A pandemia está sendo especialmente difícil para os hotéis, agências de turismo, restaurantes, setor de eventos, mas estão todos trabalhando, se reestruturando, para que, antes mesmo que a crise econômica passe, o setor já reaja. A administração pública tem acompanhado e incentivado os esforços, na medida do que é viável. A recuperação do orgulho do londrinense pela cidade como um todo é parte também dessa luta”, afirmou.

O presidente da Codel, Bruno Ubiratan, lembrou de outras realizações pelo turismo dos setores público e privado, que surgem ou são fortalecidas pelo órgão. “Teremos mais rotas e passeios dentro e fora da cidade; a revitalização do Parque Arthur Thomas; um projeto fantástico de grafite arte na cidade toda; produção de peças do tipo souvenir em uma combinação da economia criativa com a inclusão social; um final de ano com atrações artísticas na cidade toda enfeitada. O importante é trabalhar muito, sempre, o tempo todo”, disse Ubiratan.

“A empresa Brandt mundialmente conhecida adotou esta ponte no lago 2, através de parceria com a Prefeitura de Londrina, deixando ainda mais lindo nosso Lago que é uma das maiores referências turísticas da cidade”, comentou o vereador Matheus Thum.

Também acompanharam os trabalhos de execução e lançamento da Ponte dos Guarda-Chuvas, além de representantes da empresa Brandt, o presidente da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU), Marcelo Cortez; o secretário de Planejamento, Orçamento e Tecnologia, Marcelo Canhada; o vereador Matheus Thum e a Governança do Turismo de Londrina.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios