Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Obra no Jardim Santa Rita inicia nesta semana; cerca de 15 mil pessoas, que hoje utilizam a UBS do Leonor, serão atendidas no novo espaço

Cerca de quinze mil moradores da região oeste serão atendidos na UBS que será construída no Jardim Santa Rita, na Rua Ângelo Gaioto. Ontem (8), o prefeito Marcelo Belinati e o secretário municipal de Saúde, Felippe Machado, assinaram a ordem de serviço que autoriza o início das obras de uma nova Unidade Básica de Saúde em Londrina.

Na solenidade de assinatura da ordem de serviço, o prefeito Marcelo Belinati enfatizou que há muita coisa boa acontecendo em Londrina, ao mesmo tempo. “Londrina está vivendo seu melhor momento dentre os últimos 20 anos, e vou explicar resumidamente o porquê. A Controladoria-Geral da União anunciou, há cerca de 40 dias, que Londrina possui a Prefeitura mais transparente do Brasil. E transparência é a garantia de que o recurso de cada um de nós está sendo bem aplicado. Temos equilíbrio nas contas, pois Londrina está gastando 43,28% do seu orçamento com custeio. Quando assumimos a Prefeitura, esse índice era de quase 50%. Isso significa que, quanto menos se gasta com custeio, ou seja, cortando os gastos fixos da Prefeitura, mais dinheiro sobra para fazer postos de saúde, asfalto, creches, escolas, e hoje estas obras estão por toda Londrina”, detalhou.

A nova unidade irá abrigar a UBS do Jardim Leonor. Marcelo adiantou que o prédio atual, localizado na Rua Aroeira, ficará destinado exclusivamente para o Pronto Atendimento (PA) 24 horas, que também passará por reformas e melhorias. “O que está acontecendo aqui hoje, a construção do posto de saúde, faz parte de um projeto para a região oeste. Hoje o Pronto Atendimento funciona junto com o posto de saúde, o que acaba atrapalhando. E vamos separar os dois, tirando o posto de saúde de lá, e trazendo para o Santa Rita”, contou.

O prefeito citou ainda várias outras conquistas que irão beneficiar não só a região oeste, mas toda a população de Londrina, seja da área urbana ou rural, centro e demais bairros. “O PAI será reconstruído, a Maternidade vai quase dobrar de tamanho e a obra está sendo licitada. Construiremos a nova sede do SAMU, que ficará ao lado da Rodoviária, e o Centro de Referência em Atendimento à Pessoa com Deficiência, ao lado da UPA Sabará, para atender as 116 mil pessoas com deficiência, de Londrina e região. Já fizemos 200 quilômetros de recape asfáltico, e vamos fazer muito mais, pois estamos destinando quase cinco milhões de reais do orçamento para fazer recape asfáltico em todas as regiões de Londrina. Voltamos a receber grandes empresas, como a TCS, que vai gerar quatro mil empregos diretos em Londrina, e o Magazine Luiza com o seu Centro de Distribuição de 37 mil metros quadrados, e que acabou de ser construído. São muitas conquistas, confesso que estou muito feliz, são tantas notícias boas, e isso tudo é muito importante para a cidade de Londrina”, comemorou.

Para a construção da UBS do Santa Rita, que vai ter uma área total de 500 metros quadrados, serão investidos aproximadamente um milhão de reais. Além disso, o Município irá fornecer novos equipamentos, e poderá fazer a recomposição da equipe de servidores, caso seja necessário. O prazo previsto em contrato para conclusão da obra é de 240 dias, cerca de oito meses.

O secretário municipal de Saúde também enfatizou a importância de uma nova UBS para toda a comunidade do Jardim Santa Rita e bairros vizinhos. Para ele, o início das obras da nova unidade é algo muito gratificante. “Estar aqui é resultado de todo trabalho e empenho que tivemos em 2017, quando levantamos um diagnóstico inédito da Secretaria Municipal de Saúde, fizemos projetos e buscamos, com a liderança do prefeito, recursos para que pudéssemos, no ano seguinte, iniciar o maior programa de reestruturação da saúde pública de Londrina. Estamos atravessando uma fase que, nem de longe, nos últimos 20 anos, a cidade já viu. E isso se deve muito ao empenho e dedicação do nosso prefeito. Adianto para a comunidade da região oeste que outras melhorias virão, pois estamos investindo na cidade. Nosso percentual para a Saúde, dentro dos recursos livres do Município, corresponde a 28%. Isso não deixa dúvidas de que, nesta administração, saúde é prioridade”, destacou.

Segundo a coordenadora da UBS Leonor, Suzana de Fátima Oliveira, ter uma área exclusiva para a UBS é uma conquista que a comunidade e a própria equipe de servidores almejavam muito. “Agradeço muito por essa conquista. Daqui um tempo muito curto, teremos uma unidade só para nós. E isso é muito importante, agradeço imensamente a todos que contribuíram para que isso ocorra”, afirmou.

Dentro da área de abrangência da nova unidade, estão os moradores dos bairros Jardins Cidadela, Leonor, Leste Oeste, Maria Lúcia, Rosicler, Santa Rita, Conjuntos Habitacionais Charrua e Marumbi, Conjuntos Residenciais Santa Rita, e Wladir Faria. A senhora Sandra Maria Goes, que há cinco anos reside no Jardim Santo André, é atendida pela UBS do Jardim Santiago, também na zona oeste. Ela contou que em diversas ocasiões, teve que ser encaminhada ao PA 24 horas do Leonor. “Lá não cabe todo mundo que precisa do atendimento, e ter o posto de saúde aqui será uma benção. Aquela unidade precisa ser maior, porque às vezes as pessoas ficam do lado de fora esperando. Ter a UBS aqui será uma maravilha, vai ser muito melhor, nós precisamos dessa obra e agradecemos muito por isso”, comentou.

Ao final da solenidade, que contou com a presença de vereadores, representantes da 17ª Regional de Saúde e lideranças locais, o prefeito e o secretário municipal de Saúde entregaram a ordem de serviço, assinada, ao engenheiro Donizete Batista de Rezende, representante da Makino Construções Civis, a empresa que irá conduzir a obra.

Também participaram do evento o vice-prefeito de Londrina, João Mendonça; os vereadores Jamil Janene, Vilson Bittencourt e Péricles Deliberador; a presidente do Conselho Municipal de Saúde Rosilene Machado; o diretor do Hospital Zona Norte, Reily Lopes, entre outros.

NCPML

Clique nas fotos para ampliar

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios