Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Obra será entregue na segunda-feira (20), às 9h, pelo prefeito Marcelo Belinati, na sede da unidade, que fica na Rua Aroeira, 284, região oeste

A partir da próxima semana, a população de Londrina poderá contar com o Pronto Atendimento (PA), de urgência e emergência, 24h, do Jardim Leonor, na zona oeste. As obras de reconstrução do local estão concluídas e já foram inseridos o mobiliário e equipamentos. Na segunda-feira (20), às 9h, o prefeito Marcelo Belinati fará a entrega do equipamento público, para que no dia 21 a população já possa ser atendida no local. O PA fica na Rua Aroeira, 284.

O local não recebia melhorias efetivas há pelo menos 15 anos. O PA do Jardim Leonor é uma das unidades municipais de Pronto Atendimento mais antigas do Brasil, inaugurada na década de 1970. Antes da reforma, o PA funcionava no mesmo imóvel da Unidade Básica de Saúde (UBS) do Leonor, que passou a atender em nova sede, construída no Jardim Santa Rita. Agora, como o PA poderá contar com o espaço que antes era utilizado pela UBS, a expectativa é quase dobrar a capacidade de atendimento, passando da média de 250 para 400 pessoas atendida por dia, em um ambiente que conta com 1.000 m² de área.

Para reconstruir o prédio, foram investidos cerca de R$ 1 milhão. A Prefeitura aumentou os espaços da triagem, os consultórios médicos, a retaguarda de emergência e as salas de hidratação. O local será entregue com nova cobertura; instalações elétricas e hidráulicas revitalizadas; banheiros reconstruídos com acessibilidade; pintura interna e externa; e climatização em todos os ambientes. Também foram feitas adequações em pisos, paredes, telhas e calhas, novas esquadrias, portas e janelas, pintura, sinalização e comunicação visual.

“O PA do Jardim Leonor foi um dos primeiros prontos atendimentos do Brasil, na modalidade de PA municipal. São milhares de pessoas que residem na zona oeste e que buscam atendimento nesta unidade, que foi totalmente reformada e ampliada, contando com mais de 1.000 m² de área. Tudo isso vai permitir que os nossos servidores prestem atendimento ainda mais qualificado e humanizado à população”, destacou o secretário municipal de Saúde, Felippe Machado.

Novas contratações

Para atender a demanda maior no atendimento do PA, a Prefeitura de Londrina contratou 22 novos profissionais para atender no local, sendo 16 auxiliares de enfermagem, quatro enfermeiros e dois assistentes de gestão em serviços de saúde, que participaram de Teste Seletivo. Ao todo, mais de 100 trabalhadores vão atuar no PA do Leonor.

O secretário municipal de Planejamento, Orçamento e Tecnologia, Marcelo Canhada, disse que esta é uma obra fundamental para a cidade, localizada em uma região importante, onde há muitos idosos e crianças. “A reconstrução deste espaço, aliada às novas contratações, possibilitarão atender bem a população da região oeste e os profissionais de saúde que trabalharão no local”, ressaltou.

Canhada informou ainda que o espaço funcionará como se fosse uma mini UPA. “O PA do Leonor tem condições de prestar atendimento de emergência, conta com salas de consultas, espaço para as pessoas serem medicadas e ficarem em observação. A estrutura ficou muito moderna, conta com equipamentos e mobiliários novos, inclusive com aparelhos de ar-condicionado, e tudo foi feito com muito carinho para bem atender a comunidade”, frisou.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.