Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Obras de infraestrutura no Pronto Atendimento do Leonor, na Av. Leste-Oeste e na duplicação da Av. dos Pioneiros estão em reta final; secretários municipais visitaram os locais ontem

Ontem (18), vários secretários municipais de Londrina realizaram mais uma rodada de fiscalização pelas obras que estão em fase final de execução e que serão entregues nos próximos dias pelo prefeito Marcelo Belinati.  As obras vistoriadas foram o Pronto Atendimento do Jardim Leonor, a Avenida Leste-Oeste e a duplicação da Avenida dos Pioneiros.

Os secretários municipais de Planejamento, Orçamento e Tecnologia, Marcelo Canhada; de Obras e Pavimentação, João Verçosa Silva e de Gestão Pública, Fábio Cavazotti, participaram desta fiscalização.  Segundo o secretário municipal de Planejamento, Orçamento e Tecnologia, Marcelo Canhada, as três obras são de extrema importância para a cidade de Londrina, visto que vêm atender aos anseios da população, que há anos esperava por elas.

“É um investimento significativo da Prefeitura de Londrina e, com a entrega delas, nós daremos uma resposta para a política pública de saúde da população do Jardim Leonor e Bandeirantes, visto que o Pronto Atendimento do Leonor é praticamente uma UPA para a região. Além disso, a avenida Leste-Oeste foi totalmente reconstruída e a parte que falta é a do viaduto, que está a todo vapor seguindo o cronograma de trabalho, e que é a maior obra urbana de mobilidade urbana das últimas décadas”, ressaltou Marcelo Canhada.

PA Leonor

O primeiro canteiro de obras visitado pelos secretários foi o Pronto Atendimento (PA) do Jardim Leonor. Ele está quase 100% concluído. No momento, estão sendo feitos os acabamentos finais no prédio e a ligação da energia elétrica por parte da Companhia Paranaense de Energia (Copel).  A previsão de entrega é final de maio a início de junho deste ano.

Quando o PA do Leonor for inaugurado, ele poderá atender com segurança e conforto 400 pessoas diariamente. Ele funcionará 24 horas por dia com serviços de urgência e emergência. Para sua construção, a Prefeitura de Londrina está investindo aproximadamente R$ 1 milhão. O valor permitirá a reconstrução do espaço e a aquisição de equipamentos e mobiliários novos. O prédio terá 1.000 m² de área construída e contará com salas climatizadas. O serviço do PA do Leonor é um dos mais antigas de Londrina, visto que está funcionando desde a década de 1970, na sede da Unidade de Saúde do Leonor.

Av. Leste-Oeste

Em seguida, os secretários Canhada, Verçosa e Cavazotti foram até as obras de revitalização da Avenida Leste-Oeste. Ali, a Prefeitura de Londrina também está finalizando os serviços. Restam, no momento, apenas a construção de sete rampas de acessibilidade, conserto de alguns trechos de calçada e a pintura de ciclovias, o que deve levar cerca de 10 dias para ser finalizado.

No local foi feita a reconstrução de ciclovias, onde o piso antigo foi demolido para dar lugar a nova pista de concreto; foi readequada e corrigida a travessia de pedestres no canteiro central da avenida, entre as Ruas Guaporé e João Pessoa; e os funcionários da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização (CMTU) estão fazendo a sinalização viária.

No ano passado (2020), a Prefeitura de Londrina já fez a pavimentação da via, com asfalto novo em toda a extensão, readequou a rede de galerias pluviais em vários pontos, construiu calçadas novas onde não tinha e arrumou o meio-fio nos trechos que estavam danificados ou ausentes.

Além disso, outros pontos que não contavam com ciclovias, agora contam, como é o caso da Avenida Dez de Dezembro até a Rua Guaporé, e da Avenida Universo até a Unidade de Pronta Atendimento do Jardim do Sol (UPA). ” A ciclovia sairá da Av Dez de Dezembro e irá até a rotatória do Adventista. São vários quilômetros de ciclovia, que é um modal de transporte moderno e ecológico, que vai oferecer ao trabalhador que utiliza esse meio de transporte, à dona de casa, ao pai de família e a todos que gostam de praticar esportes com bike, uma nova opção de passeio”, disse Canhada. Para a revitalização da Avenida Leste-Oeste, a Prefeitura de Londrina está aplicando o equivalente a R$ 14,8 milhões, sob a fiscalização da Secretaria Municipal de Obras e Pavimentação (SMOP).

Av. dos Pioneiros

A manhã de visitas finalizou na duplicação de cerca de 1,5 km na Avenida dos Pioneiros, entre as Ruas Ângelo Antônio Tronchini e dos Caquizeiros, no Jardim Morumbi (zona leste). Desde o começo da manhã de hoje (18), o trecho que liga a Av. dos Pioneiros com a Av. das Laranjeiras está fechado, para a finalização da construção de uma nova rotatória unindo as duas avenidas e para a pavimentação da pista.

Secretário municipal de Planejamento, Orçamento e Tecnologia, Marcelo Canhada, nas obras da Av. dos Pioneiros. Foto: Vivian Honorato

Até sábado (22), os motoristas que trafegam nessa via, no sentido bairro-centro deverão fazer a conversão à esquerda, seguindo para o centro de Londrina (veja os detalhes aqui). Para a execução dos serviços é necessária a interdição total da Av. dos Pioneiros, entre a Rua João Gaion e Rua Mário Nogueira Monteiro e, também a interdição do cruzamento com a Av. Jamil Skaff (sentido centro). Isso porque, a Secretaria Municipal de Obras e Pavimentação (SMOP) vai trabalhar em conjunto, realizado o recape asfáltico da via ao lado daquele em duplicação, deixando todo o trecho renovado. Ao todo, o projeto também engloba a criação de ciclovias e de novas galerias para a captação da água das chuvas.

“A duplicação da Av. Pioneiros é estratégica e, em breve, o prefeito Marcelo Belinati vai entregar também essa obra de quase 1 km de duplicação com iluminação de LED, acessibilidade, calçadas, ciclovias e sinalização moderna. Nós já estamos trabalhando em outro projeto, para continuar essa duplicação até a Av. Dez de Dezembro.  É um novo ramal de desenvolvido de Londrina”, finalizou o secretário municipal de Planejamento.

Ao todo, estão sendo investidos R$ 2,6 milhões aproximadamente nas obras que visam melhorar a trafegabilidade na região. A duplicação dessa pista é necessária, pois o trecho serve de ligação para diversos pontos importantes da cidade, inclusive para quem vêm da rodoviária sentido Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), quem trafega próximo ao Arco-Leste e aos condomínios fechados de prédios e casas da região leste.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios