Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Programa Compra Londrina oferece todo o suporte para interessados na disputa pelos serviços na Prefeitura, marcada para 13 de outubro

A Prefeitura de Londrina abriu licitação para contratar empresas que irão instalar mais de 400 equipamentos de ar-condicionado. Os aparelhos serão destinados aos locais de serviços ao público de oito secretarias municipais, pelo período de um ano, até 2022.

O pregão 254/2021 tem valor-teto de R$ 400.059,29, que inclui instalações e os materiais necessários para os serviços. Os aparelhos a serem instalados nas secretarias municipais vão de 12.000 BTUs a 48.000 BTUs.

A disputa está marcada para o dia 13 de outubro, por videoconferência – basta que as empresas enviem os documentos antes e tenham acesso à internet para participar. Os documentos devem ser enviados para a Prefeitura até antes da abertura da sessão, às 13h, e o link da sala virtual de pregão consta no edital.

A página do Portal de Licitações, contendo todas as informações, pode ser consultada em bit.ly/pgv254completo.

O Programa Compra Londrina, por meio do TELECOMPRA, está divulgando a licitação com ligações telefônicas, feitas para as empresas de Londrina que queiram participar e obter orientações para entrar na disputa.

O Compra Londrina é uma aliança entre a Prefeitura, Associação Comercial e Industrial de Londrina (ACIL), SEBRAE e Observatório de Gestão Pública (OGPL) para estimular as empresas locais a competirem por contratos públicos com órgãos de governo. O Programa é uma das ações do Plano de Retomada da Economia Pós-Covid, integrada pela Prefeitura.

No total, são seis lotes de instalação: o menor é de R$ 43,5 mil e o maior foi valorado em R$ 132 mil no teto para a disputa.

Lotes exclusivos para empresas da RML

Dos seis lotes, quatro só podem ser disputados por Microempresas (MEs) e Empresas de Pequeno Porte (EPP) com sede na Região Metropolitana de Londrina (RML). A ação faz parte do Plano de Retomada da Economia Pós-Covid, liderado pela Prefeitura e entidades locais ligadas ao desenvolvimento de Londrina.

A lista de lotes, com preços e quantidades de serviços em disputa, está no endereço bit.ly/pgv254lotes. O Termo de Referência fica em bit.ly/pgv254TR.

Além dos documentos básicos, os responsáveis pela instalação precisam ter registro ativo em um dos conselhos relacionados à atividade. Também devem apresentar uma declaração dada por outras empresas ou governos de que já instalaram pelo menos três equipamentos de ar-condicionado semelhantes, como forma de comprovar uma experiência prévia mínima no serviço.

“As empresas interessadas não devem deixar para aprender como disputar na última hora: em razão do feriado da próxima semana, pode faltar tempo hábil para preparar os documentos. É bom se planejar e antecipar”, alertou o coordenador do Programa Compra Londrina na Secretaria Municipal de Gestão Pública (SMGP), Marcelo Frazão.

Para o coordenador, trata-se de um edital bastante apropriado principalmente para as pequenas empresas de Londrina. “No Programa Compra Londrina podemos ensinar do zero qualquer microempresa local disposta a se tornar uma prestadora da nossa Prefeitura”, assegurou.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.