Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Órgão passa a ser coordenado pelo advogado londrinense Carlos Eduardo Vaz, conforme decreto municipal nº 977/2020

O Núcleo Municipal de Proteção e Defesa do Consumidor de Londrina (PROCON-LD) conta com novo diretor executivo. Carlos Eduardo Vaz assumiu a coordenação e substitui Gustavo Richa, que ocupava o cargo desde 2017. A decisão foi publicada pelo decreto municipal nº 977, disponível na edição nº 4.143 do Jornal Oficial do Município.

Carlos Eduardo Vaz é natural de Londrina e advogado, formado em 2010 como bacharel em Direito pela Universidade Norte do Paraná (UNOPAR). Sobre a nova função, Vaz afirmou que tem como objetivo manter o alto nível de atuação do órgão, implementado no município em 1992. “Recebo com grande alegria essa responsabilidade de dar continuidade ao sério trabalho do Procon-LD, desenvolvido na cidade de Londrina com as fiscalizações em geral, e atendendo a população de Londrina, seja de forma virtual ou presencial, respeitando as medidas de distanciamento social”, disse.

O novo coordenador do Procon-LD frisou a importância de os consumidores atuarem na defesa de seus direitos. “Contamos com o auxílio da população para que denunciem eventuais abusos, e o órgão possa fiscalizar. Entendemos que a defesa e aplicação dos direitos do consumidor exigem um trabalho conjunto entre a população e o poder público. Pedimos o envolvimento dos consumidores, pois estamos inteiramente à disposição”, afirmou.

Por conta da pandemia do novo coronavírus, que acarretou no distanciamento social, o Procon-LD oferece o atendimento ao público pela internet, através do e-mail procon@londrina.pr.gov.br. No site www.londrina.pr.gov.br/atendimento, fica disponível o modelo de formulário para envio de reclamação.

Em caso de dúvidas ou esclarecimentos, também estão disponíveis a fanpage oficial do Procon-LD no Facebook, (https://pt-br.facebook.com/ProconLd/), e os telefones 3372-4823 / 4824 / 4825. O funcionamento desses canais é de segunda a sexta-feira, das 9 às 15 horas.

E o consumidor pode ainda comparecer na sede do órgão, localizada na Rua Piauí, 1.117. A distribuição de senhas para atendimento ocorre das 9 às 15 horas, de segunda a sexta-feira.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios