Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Com trabalho simultâneo das equipes, Sercomtel Iluminação espera concluir serviço na Quintino Bocaiúva e Ayrton Senna em até 15 dias

Após implantação de led na avenida Maringá, a Sercomtel Iluminação tem trabalhado de forma simultânea com equipes nas vias Ayrton Senna e Quintino Bocaiúva para garantir que o serviço seja finalizado até a próxima semana. A celeridade nos trabalhos é um pedido do prefeito Marcelo Belinati para que todas as regiões de Londrina sejam beneficiadas o mais breve pela luminosidade proporcionada pelo led.
Somente na avenida Maringá, em que o trabalho foi concluído nessa semana, as equipes modernizaram 99 pontos de iluminação. Outros 40 pontos estão previstos para serem finalizados na Quintino Bocaiúva e mais 108 na Ayrton Senna. Além modernização da iluminação viária, como previsto no programa Cidade Iluminada, o trabalho das equipes também irá contemplar, nesta etapa, a instalação de luminárias ornamentais de led em quatro praças localizadas ao longo da avenida Quintino Bocaiúva, iniciando pela praça Getúlio Vargas, e a praça Dom Pedro I, na avenida Tiradentes.
Segundo o diretor de Operações da Sercomtel Iluminação, Tiago Caetano, a intenção é contribuir com o trabalho de revitalização de todas as praças de Londrina que está sendo realizado pela prefeitura. "Temos dedicado atenção prioritária também para pontos de iluminação localizados no entorno de Unidades Básicas de Saúde, escolas e centros de educação infantil", frisou.
De acordo com o diretor presidente da empresa, Luciano Kühl, desde o início da execução do programa Cidade Iluminada, a Sercomtel Iluminação já realizou a modernização das luminárias nas avenidas Saul Elkind, Tiradentes, Higienópolis e Maringá.
A obra integra a primeira fase do programa Cidade Iluminada, que prevê a substituição de mais de 23 mil pontos de iluminação, com a troca de lâmpadas de vapor de mercúrio ou de sódio por LED. A ordem de serviço da primeira fase do programa foi assinada pelo prefeito Marcelo Belinati no final de fevereiro e os trabalhos devem durar 30 meses, com um investimento de mais de R$ 42 milhões, provenientes da Cosip (Contribuição para Custeio do Serviço de Iluminação Pública).
Fernanda Carreira/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios