Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Objetivo é sanar dúvidas dos responsáveis para ajudar em tempos de pandemia

Amanhã (15), a partir das 19 horas, os pais e responsáveis por alunos matriculados na rede pública municipal de ensino poderão bater um papo com o psicólogo Fernando Barroso Zanluchi. O encontro será mediado pela secretária de Educação, Maria Tereza Paschoal de Moraes, e transmitido ao vivo pelo canal do YouTube.

O objetivo é conversar com os responsáveis na tentativa de explicar as mudanças ocasionadas no ensino das crianças, por conta da pandemia do novo Coronavírus. Isso porque, segundo a assessora pedagógica da Secretaria Municipal de Educação, Mariângela Bianchini, com o envio de questionários aos pais dos alunos, percebeu-se uma certa ansiedade e angustia com as responsabilidades acumuladas na educação formal das crianças.

Apesar de a maioria aprovar o material enviado, assim como o conteúdo que tem sido ministrado e o método utilizado pelos professores, ainda há insegurança. “Muitos pais ficam ansiosos e angustiados por achar que não dão conta de fazer as tarefas com os filhos, ou têm medo de não saberem ensinar, por não serem professores, ou têm mais de um filho para ajudar com as lições escolares. Então, convidamos o psicólogo infanto-juvenil, para conversar com os pais, esclarecer as dúvidas deles e acalmá-los sobre o período que estamos vivenciando”, explicou a assessora pedagógica.

O psicólogo convidado é conhecido em Londrina. Ele lida com psicologia infantil desde 1993, sendo mestre em Educação pela Universidade Estadual de Maringá (UEM), com ênfase em Ensino e Aprendizagem na Sala de Aula, especialista em Psicanálise pela Universidade Estadual de Londrina (UEL) e em Psicologia Clínica pelo Centro de Estudos Superiores de Londrina.

A expectativa é que cerca de duas mil pessoas assistam a transmissão ao vivo, visto que atualmente mais de 40 mil alunos estão matriculados na rede municipal de ensino. A intenção é que o encontro dure entre 45 minutos a 1 hora. As perguntas serão lidas pela secretária de Educação e repassadas ao psicólogo. Por isso, os pais e responsáveis que desejarem poderão fazê-las com antecedência através dos grupos de aplicativos de conversa (whatsapp) criados pelas diretorias escolares ou no momento da live. O vídeo deverá ficar salvo na página da educação, no YouTube.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios