Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Grupo com 17 empreendimentos espalhados por oito municípios do Paraná investirá quase R$ 10 milhões na cidade e deve contratar 180 funcionários

Ontem (9), o prefeito Marcelo Belinati e o presidente do Instituto de Desenvolvimento de Londrina (CODEL), Bruno Ubiratan, deram as boas-vindas ao novo empreendimento que se instalará na cidade.  Até 1º de dezembro deste ano,  empresários de Arapongas, responsáveis pelos supermercados do Grupo Verona, pretendem inaugurar a primeira loja aqui.

Devem ser contratados 180 funcionários até o final do ano, sendo que, quando somados os empregos indiretos, esse número sobe para quase 280 profissionais. Para colocar em funcionamento o supermercado estilo Gourmet, o grupo investirá em Londrina R$ 10 milhões, em um espaço com mais de 6 mil metros quadrados, localizado dentro do Boulevard Londrina Shopping. “Tivemos um papel acolhedor com o Shopping Boulevard, com a rede Verona e a Associação Paranaense de Supermercado (APRAS) e deixamos as portas da CODEL abertas para o atendimento necessário aos novos empreendimentos e empresários que quiserem conhecer e se instalar em Londrina”, ressaltou o presidente da CODEL.

Para o prefeito, o anúncio da inauguração de mais uma grande empresa vem se somar ao bom momento vivenciado por Londrina. “É um momento especial que a cidade está vivendo, apesar da pandemia. São R$ 10 milhões de investimentos e 280 empregos diretos e indiretos de uma única rede, que trabalhará na região leste, que é muito importante da cidade. Isso traz emprego, renda e desenvolvimento social e econômico”.

O gerente comercial da rede Verona, Marcelo Gasparoto, explicou que Londrina já estava no radar dos empresários, por diversos motivos. Entre eles, pela proximidade com a cidade natal do empreendimento, por comportar quase 600 mil habitantes e por estar localizada em uma região metropolitana com cerca de 2 milhões de pessoas. “Somos de Arapongas, município a 30 quilômetros daqui, e estamos sediados em oito cidades. Em, Londrina, esperamos montar uma loja bastante satisfatória, com grande variedade de produtos, a um preço justo e com novos investimentos”.

No shopping center, o espaço que, antes estava ocupado por uma rede multinacional do mesmo ramo, sofreu um redimensionamento para comportar três negócios diferentes. A maior metragem (6.020 metros quadrados) ficou com a empresa familiar araponguense, que está há 30 anos no mercado. Ao lado, irá se instalar o escritório de serviços de tecnologia, Atos, com 2.162 metros quadrados, restando mais um espaço para a instalação de um novo negócio em um espaço de 1.200 metros quadrados. Outra âncora também anunciada pelo shopping é a vinda da Pernambucanas.

As três âncoras iniciam a operação ainda neste ano. Juntos, os três negócios vão empregar mais de 770 pessoas entre novembro e dezembro deste ano. “Na comparação com o supermercado anterior, a vinda do Verona significará o dobro de funcionários contratados, passando de 95 para 180, além do ineditismo da operação para Londrina, o que dificilmente conseguiríamos com outra operadora de supermercado. Desconheço outra cidade do país onde o shopping está contratando tanto, quanto aqui”, disse o superintende do Boulevard Londrina Shopping, Mauricio Morelato.

O supermercado, a ser instalado no shopping, é um dos 100 maiores empreendimentos mercadistas do Brasil em termos de faturamento. Atualmente, ele emprega mais de 1,4 mil funcionários. E, em Londrina, trará novidades, como a opção de pagamento automatizado pelo sistema self checkout.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios