Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Pesquisadores da universidade inglesa vão ajudar o Município de Londrina na elaboração de soluções inteligentes para a Londrina de 2040

Ontem (26), os mestrandos em Políticas Públicas pela Escola de Governo da Universidade de Oxford, na Inglaterra, Carolina Stecca Douek, Ying Liu e Cody Wang Chexi participaram de uma reunião com o diretor de Ciência e Tecnologia do Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel), Roberto Moreira, e com a servidora da Secretaria de Governo, Liz Rodrigues. O encontro foi on-line, por meio da Plataforma Google Meet.

O objetivo foi debater os trâmites que vão guiar os trabalhos dos mestrandos durante o projeto Summer Fellowship. Esta iniciativa busca soluções inovadoras que poderão ser implantadas em Londrina, para melhorar a qualidade de vida dos cidadãos que moram na cidade.

Para isso, os pesquisadores poderão propor ideias de programas, digitalização e informatização de informações visando o desenvolvimento de uma cidade inteligente e sustentável. Eles podem elaborar ações voltadas para a implantação de novos modais de mobilidade urbana, para otimização da geração de energia, para o uso de inteligência artificial na administração pública, para os fatores de competitividade que aumentem a atração de negócios e empresas para Londrina, para melhorar a alocação e a qualidade dos recursos públicos em prol da efetivação de políticas públicas, para ajudar na implantação da governança público-privada orientada a resultados e para qualquer serviço necessário à vida das pessoas.

Segundo o secretário de Governo, Alex Canziani, a ideia é que os mestrandos ajudem na elaboração do Masterplan Londrina 2040, visto que ele é um instrumento voltado para a formulação de uma visão de futuro compartilhada e de longo prazo. “O trabalho deles terá como foco o Plano Diretor e o Masterplan 2040. Eles trarão as experiências implantadas em outros países, que poderão ser agregadas ao nosso plano. Esses alunos são pessoas altamente experientes e com conhecimentos em diversas áreas. Com certeza, a contribuição deles será excepcional”, disse o secretário de Governo.

O projeto Summer Fellowship deve iniciar em julho e terá oito semanas de duração. Com isso, o Município de Londrina espera obter ideias, que ajudem a sanar problemas comuns advindos do desenvolvimento urbano e do crescimento das cidades, especialmente quando se pensa em longo prazo. Por isso, foram selecionados estudantes de áreas diferentes. A mestranda Douek, por exemplo, é brasileira e economista formada na Universidade de São Paulo (USP). Já Ying Liu é chinesa, especialista em Literatura e Língua Portuguesa pela Universidade de Pequim, com expertise em projetos de infraestrutura urbana e recursos humanos. E Cody Wang é chinês, formado em Ciências Políticas e em Filosofia pela pela London School of Economics and Political Science (LSE).

A pesquisa de mestrandos de Oxford no município conta com participação do Instituto de Desenvolvimento de Londrina (Codel). A iniciativa foi intermediada pelo londrinense e pesquisador, Pedro Arcain Riccetto, que leciona em Oxford.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.