Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Objetivo é propiciar um ambiente favorável para a convivência entre diferentes gerações; programação ainda terá Tarde Musical para os idosos

A Secretaria Municipal do Idoso promoverá mais um encontro do projeto “Cinema Intergeracional”. A intenção é oferecer um espaço agradável que estimule a convivência entre diferentes gerações. A atividade será no Centro de Convivência da Pessoa Idosa "Benedito Camargo Sobrinho" (CCI) Oeste, amanhã (30), às 14 horas, localizado na Rua Serra Pedra Selada, 111, no Jardim Bandeirantes.

No encontro será exibido “Viva – A Vida é Uma Festa”, da Pixar. Durante a exibição, será servido chá e pipoca. Para participar não é necessário fazer inscrição prévia e o idoso pode levar um familiar, como neto e sobrinho, amigo ou vizinho, acima de oito anos de idade. Ao final, é feita uma roda de conversa com os idosos e os jovens. A ação é gratuita e a atividade busca estimular e fortalecer os vínculos comunitários e familiares entre pessoas com diferentes idades.

Os encontros do projeto Cinema Intergeracional vêm ocorrendo regularmente nos CCIs Leste e Oeste da cidade desde que iniciou, em fevereiro deste ano. Segundo o gerente de Atenção à Pessoa Idosa da SMI, Cleir Brandão, a iniciativa possibilita a convivência entre diversas gerações, permitindo a troca de experiência e interação entre os participantes, além de trazer a comunidade para mais perto dos CCIs. “Nestes encontros a comunidade também tem a oportunidade de conhecer os centros de convivência e os serviços e projetos que são oferecidos em várias áreas de atendimento”, explicou.

Tarde Musical

Antes, na segunda-feira (29), às 14 horas, o CCI Leste promove uma Tarde Musical, com o músico Cleir Brandão, que também é servidor e gerente de Atenção à Pessoa Idosa. A atividade é gratuita e para participar não é necessário fazer inscrição, basta ter 60 anos ou mais. O local fica na Rua Gabriel Matokanovic, 260, Jardim da Luz.

Segundo Brandão, a Tarde Musical será um momento de lazer, integração e socialização para os idosos. O objetivo é fortalecer os vínculos dos participantes e proporcionar alegria ao grupo. “Além de aproveitar um repertório eclético da música popular brasileira, a iniciativa possibilita que os idosos conheçam um pouco mais do trabalho realizado no CCI, já que, durante a atividade, eles terão acesso à programação completa”, disse.

Dayane Albuquerque/NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios