Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Programa tem o objetivo de promover ações que garantem direitos e qualidade de vida aos idosos

Na sexta-feira (30), a Secretaria Municipal do Idoso, juntamente com a Secretaria de Estado da Família e Desenvolvimento Social, apresentou ao Centro de Convivência da Pessoa Idosa "Benedito Camargo Sobrinho" (CCI Oeste) a certificação para a participação do programa Estratégia Brasil Amigo da Pessoa Idosa (EBAPI), do Ministério do Desenvolvimento Social em parceria com o Ministério dos Direitos Humanos. No encontro, foram discutidas propostas juntamente com idosos, conselheiros municipais e parceiros da Secretaria do Idoso.

O EBAPI, programa federal, concedeu a Londrina um certificado e, posteriormente, Selos de Certificação como reconhecimento por tornar o CCI cada vez mais amigável e acolhedor para pessoas idosas. O Município precisa cumprir várias fases e ações para conseguir todos os selos, que tem formato de estrela, para o preenchimento gradativo do certificado.

O objetivo do EBAPI é fortalecer a articulação do município com demais políticas públicas sobre as necessidades da população idosa. Nesse sentido, visa garantir os direitos e qualidade de vida dos idosos em diferentes áreas como acessibilidade, moradia, saúde, educação, convivência comunitária, lazer e cultura.

A secretária municipal do Idoso, Andrea Bastos Ramondini Danelon, falou sobre a relevância desse certificado. “É muito importante para Londrina esta certificação. Significa que a cidade está no caminho certo com as questões relacionadas aos idosos, promovendo um ambiente que possibilite às pessoas idosas a convivência com qualidade de vida e dignidade. Por isso a importância do envolvimento de todas as políticas públicas e o engajamento do poder público para planejarmos uma cidade que respeite o envelhecimento humano”, afirmou.

Segundo a secretária de Estado da Família e Desenvolvimento Social, Nádia Moura, a certificação é um reconhecimento do Governo Federal pelo investimento que Londrina  faz nessa área. “Isso possibilita garantir maior qualidade de vida à população idosa do município. O apoio do prefeito Marcelo Belinati também foi importante nesse processo de articulação”, disse.

N.Com

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios