Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Municípios teriam mais qualidade de vida com uma iluminação pública mais eficiente. Segurança pública seria uma das áreas mais beneficiadas

Uma reunião entre representantes da Sercomtel Iluminação e do Consórcio Público Intermunicipal de Inovação e Desenvolvimento do Estado do Paraná (Cindepar) pode gerar possíveis parcerias para a implantação de luminárias LED nas cidades que integram o grupo. O encontro foi quarta-feira, dia 6, na sede da empresa.

A modernização da iluminação pública das cidades pela tecnologia LED seria muito vantajosa para os 153 municípios signatários daquele consórcio. A própria experiência de Londrina, que também está no Cindepar e tem um parque de iluminação de 65.000 pontos, pode servir de exemplo. O LED tornou-se coqueluche na cidade e ganhou o gosto do londrinense. Hoje a Sercomtel Iluminação já instalou quase 20.000 unidades, inclusive nos distritos rurais, e a proposta da administração municipal e do prefeito Marcelo Belinati é modernizar toda a cidade através de um programa de médio prazo chamado “Londrina Cidade Iluminada”.

Diretores da Sercomtel Iluminação explicam projetos da empresa para convidados do Cindepar “A iluminação LED é mais eficiente que as luminárias convencionais, são mais econômicas, mais fortes e duráveis, propiciando uma grande economia para os municípios”, descreve o presidente da empresa, Luciano Kühl, que esteve no encontro.

A luz LED é branca, dá melhor definição visual e contribui substancialmente para a segurança pública. “Ela inibe a criminalidade durante a noite”, destaca Kühl. Ele lembra ainda que a tecnologia favorece também a melhor visibilidade no trânsito noturno e melhora a sensação de bem-estar, dando mais vida para a cidade, nas vias públicas e praças.

O diretor de Operações da empresa, Alexander Farias Fermino, que também participou do encontro, ressaltou que  uma luminária com esta tecnologia consome bem menos energia que a lâmpada convencional, atendendo às expectativas de economicidade e preservação do meio ambiente.

Outro aspecto interessante que a Sercomtel Iluminação poderá providenciar para os municípios seria embarcar nas luminárias uma tecnologia de “telegestão”, através da qual é possível controlar cada ponto de luz de forma remota, possibilizando agilidade, economia e otimização da iluminação. O LED e a telegestão conjugados são o princípio do processo de transformação do município dentro do conceito de “cidade inteligente”.

O presidente do Cindepar e prefeito de Sabáudia, Hugo Manueira, reforça que a parceria realmente poderia levar economia e agilidade no processo de modernização da iluminação pública dos municípios signatários do consórcio. “A proposta é formalizar a contratação direta de uma empresa como a Sercomtel Iluminação, e por um custo menor e com o oferecimento de serviços otimizados”. Manueira destaca ainda que o Cindepar, que já oferece para as prefeituras pavimentação asfáltica a custos excelentes, poderia oferecer a mesma condição na implantação de LED, e com a qualidade de uma empresa de renome estadual e nacional, como é o caso da Sercomtel Iluminação.

As direções do Cindepar e da Sercomtel Iluminação vão agora aprofundar detalhes da possível parceria e realizar contatos com os municípios interessados. Ainda não há um calendário estabelecido, mas a intenção é iniciar o processo de implantação de LED nos municípios o quanto antes.

Presenças

Participaram da reunião, além do presidente Luciano Kühl e do diretor Alexander Fermino, os assessores jurídicos da empresa, Rogério Donizete da Silva e Elaine Cristina de Morais Capelari, além do presidente do Cindepar, Hugo Manueira, e do diretor executivo Jorge Luiz Almada.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios