Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Uma vitória da comunidade, uma conquista que exigiu trabalho, convencimento e mobilização política em Londrina. É assim que o deputado estadual Tercilio Turini comemora a abertura da licitação do viaduto da PUC, uma obra reivindicada há muitos anos pelos londrinenses, principalmente a comunidade da Região Oeste. "Não foi fácil, mas conseguimos. Estive várias vezes na prefeitura conversando com secretários e engenheiros para atualizarmos o projeto. Depois batalhei lá em Curitiba, em reuniões com secretários, DER e o governador Ratinho Junior, para a liberação dos recursos. Isso faz parte da atividade parlamentar em defesa de Londrina e o importante é que agora a obra vai sair", afirma o deputado.

Tercilio Turini destaca satisfação especial com o viaduto porque participou ativamente também do movimento pela instalação da PUC em Londrina, em 2002, quando era presidente da Câmara Municipal. "Foi um grande trabalho em parceria com o saudoso arcebispo dom Albano Cavalin. Aprovamos a desapropriação e a doação do imóvel para a Universidade Católica, fortalecendo a cidade como polo de ensino superior, abrindo o caminho para a nova faculdade de Medicina e criando uma nova área de expansão residencial e empresarial na Região Oeste", relembra o deputado.

Com a chegada da PUC no terreno do antigo Jockey Club, o viaduto para travessia da BR 369 (Avenida Tiradentes) passou a ser mais necessário. "Vejam só, faz 20 anos que a cidade aguarda pela obra. Como é uma rodovia federal, a responsabilidade seria do DNIT. Tempos atrás até foi liberado recurso no governo federal para o viaduto, mas surgiram problemas no projeto e a obra foi cancelada. Agora é definitivo: com o envolvimento da comunidade conseguimos o apoio do governador Ratinho Junior e o prazo da licitação já está correndo", diz o deputado.

A empresa vencedora da concorrência terá 15 meses para construir o viaduto, com investimento de cerca de R$ 30 milhões pelo Governo do Estado. A previsão é de definir em março a proposta de melhor preço pelas concorrentes. O viaduto sobre a BR 369 permitirá o acesso mais seguro à PUC, Pool de Combustíveis, indústrias e diversos bairros, com tranquilidade para o cruzamento da rodovia. Também serão abertas alças para facilitar o fluxo de veículos que chegam e saem de Londrina. "O viaduto resolverá um ponto crítico no trânsito urbano. Com fluidez e segurança na logística de transporte, certamente a região receberá novos empreendimentos", salienta o deputado estadual Tercilio Turini.

Nova meta é abrir Avenida Jockey Club para ligar desde a BR 369 até a PR 445

Com a construção do viaduto assegurada, a nova meta para o progresso de Londrina é planejar e abrir a abertura da Avenida Jockey Club desde a BR 369 até a PR 445. "Essa igação entre as rodovias passa a ser fundamental para criação de um novo eixo viário de integração da Região Oeste, desde bairros como Leonor, Santa Rita, Santiago até o Novo Bandeirantes, em Cambé. Uma ampla avenida passando em frente à PUC vai fomentar ainda mais o desenvolvimento", ressalta o deputado Tercilio Turini, pedindo ao prefeito Marcelo Belinati para a prefeitura executar o projeto. "Vamos atrás dos recursos", diz o parlamentar de Londrina.

Tercilio Turini lembra das diversas conversas com a diretora do Campus da PUC em Londrina, professora Nádina Moreno, que sempre destacou a necessidade da obra para o sistema viário. "Como eu e outras lideranças na cidade, ela nunca deixou de acreditar na construção do viaduto. Tenho orgulho de ter participado da conquista juntamente com representantes da Região Oeste, empresários e moradores dos bairros", comenta.

Para o deputado, a Região Metropolitana de Londrina vive um bom momento de anúncios de importantes obras para a infraestrutura de transporte. "A duplicação da PR 445 é outra grande vitória, com o novo trecho de Mauá da Serra, Tamarana e chegando a Lerroville. Temos o compromisso de, em breve, ser lançada a licitação do último trecho, de Lerroville a Irerê. Em Cambé, o viaduto da Bratislava já está em construção e agora vem o viaduto da PUC. A mobilização continua forte para tirar do papel o Contorno Norte, com ligação de Ibiporã até Rolândia pela Região Norte de Londrina. E outro projeto de impacto para o futuro é o Contorno Leste, um ramal rodoviário para levar o tráfego da PR 445 até a BR 369, desde a unidade da Cocamar até as proximidades da Ceasa", relata Tercilio Turini.

#JornalUnião

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.