Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Universidade Estadual de Londrina renovou 10% da sua frota com a entrega de 17 novos carros (seis utilitários Saveiros e 11 veículos Gols) no sábado (16), no Campus Universitário. Os novos veículos vão atender o Campus e o Hospital Universitário. O HU terá à disposição 6 novos veículos como apoio ao trabalho do banco de órgãos e banco de leite, além de transporte de pessoal. Os 11 veículos que ficarão no Campus serão utilizados na prestação de serviços à comunidade e manutenção e limpeza dos mais de 200 hectares de área da Universidade. Metade dos 169 veículos da frota da UEL tem mais de vinte anos.

O reitor da UEL, professor Sérgio Carvalho, lembrou que o investimento foi possível a partir da liberação de aproximadamente R$ 20 milhões no final do ano passado pela Secretaria de Fazenda, por intermédio do Deputado Estadual Tiago Amaral. Os recursos foram aplicados na modernização do parque tecnológico da UEL e possibilitaram a compra de equipamentos e dos novos veículos.

"Entendemos que ninguém faz gestão sozinho e buscamos as parcerias necessárias para viabilizar os projetos da Universidade e garantir a qualidade dos serviços prestados à população paranaense", explicou o reitor. Ele ressaltou que o cenário no final do ano passado era de déficit financeiro na Universidade, com previsão de corte de serviços, mas que as atividades foram mantidas graças à liberação dos recursos, que vieram inclusive para os novos investimentos.

A Diretora-Superintendente do HU, Vivian Feijó, acrescentou que os recursos serviram para a compra de equipamentos fundamentais para o hospital como monitores multiparamétricos usados para pacientes cardíacos e com problemas neurológicos, novas camas e respiradores programados.

O deputado Tiago Amaral elogiou a postura da UEL que tem buscado maior aproximação com diversos setores da sociedade, estabelecendo novas parcerias. Ele lembrou que hoje a discussão é de planejamento de novos patamares de desenvolvimento para Londrina a partir da inovação tecnológica. "Isto só é possível por causa da Universidade que sempre ajudou a moldar o perfil econômico da nossa região", afirmou o deputado.

(Agência UEL)

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios