Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Oitava unidade a ser recuperada durante a gestão de Marcelo Belinati receberá também troca de mobília e de equipamentos que estão quebrados

Ontem (21), às 9 horas, o prefeito Marcelo Belinati e o secretário municipal de Saúde, Felippe Machado, assinaram a ordem de serviço para a reforma da Unidade Básica de Saúde (UBS) Dra. Maria do Socorro N. Brito, do Jardim Piza, região sul. Essa será a oitava unidade a passar por reformas, de um total de 11 que integram o primeiro lote a ser contemplado em 2018.

O local conta com 389,87 metros quadrados e receberá diversas intervenções em sua estrutura física, abrangendo melhoria nos pisos interno e externo, calçada e acessos; recuperação dos ambientes, pintura de paredes, revisão e recuperação das esquadrias metálicas, substituição de vidros, melhoria nas instalações hidráulicas, adequações dos rufos, calhas e telhado, bem como da comunicação visual e recuperação do abrigo de resíduos.

De acordo com o prefeito, após um diagnóstico da realidade das unidades de saúde foram elaborados projetos para as obras e realizada a busca de recursos para a execução dos mesmos, o que foi conseguido. “Gradativamente vamos fazer um trabalho de reforma em todos os postos de saúde de Londrina. Nesse momento, estamos reformando oito e vamos trocar também os móveis e os equipamentos que estão quebrados. É o maior programa de reestruturação da saúde pública municipal de Londrina, com o foco na melhoria da Atenção Primária, o que significa atender as pessoas próximo de suas casas”, explicou.

Para o secretário de Saúde, as obras demonstram uma preocupação com a Atenção Primária de atendimento. “Essa unidade foi inaugurada em 1979, mas não passava por melhorias há mais de 20 anos, visto que a última reforma foi em 1996. Observamos que esta é uma realidade existente na grande maioria das unidades. Por isso, em 2017, foram três unidades reformadas, em 2018 serão 14 reformas e vai continuar em 2019, sem falar nas obras maiores como a reconstrução do PAI, ampliação e reforma da Maternidade Municipal e a construção da nova sede do SAMU. Tudo graças aos projetos feitos e ao empenho do prefeito em buscar os recursos para execução”, disse Machado.

Segundo o secretário, nas melhorias, serão investidos cerca de R$ 130 mil. As obras devem começar na próxima semana e têm como prazo de execução 120 dias contados a partir da assinatura da ordem de serviço. A empresa vencedora da licitação e responsável pelo trabalho é a Construtora Regioli Ltda ME.

Sobre a unidade

Os profissionais da UBS do Jardim Piza atendem aos moradores dos bairros: Jardins Adriana 1 e 2, Igapó, Lagoa Dourada, Neman Sahyun, Oscavo Gomes dos Santos, Piza, Santos Paulo, São Vicente, Vale Azul, Villas Boas, Conjunto Habitacional Jerumenha, Parque Residencial Piza, Residenciais José Bastos de Almeida e Portal de Piza, Vale dos Tucanos.

Ao todo, são cerca de 18 mil pessoas beneficiadas com a melhoria do espaço, visto que eles podem receber atendimentos de enfermagem, clínica médica, pediatria, ginecologia, odontologia infanto-juvenil e adulto, especial à gestante, além de diversos procedimentos, como testes rápidos de HIV, hepatite e sífilis, avaliação com classificação de risco, coleta de exames laboratoriais, controle de pressão, aplicação de vacinas, entre outros.

Durante a reforma

O atendimento, durante a realização da reforma, como as consultas, vacinas, o serviço de odontologia e dos agentes comunitários de saúde serão realocados para UBS do Ouro Branco, localizada na Rua Flor dos Alpes, 570.
Já os profissionais do Núcleo de Apoio à Saúde da Família (NASF) ficarão na Capela São Francisco, na Rua Pedro Fabri Francis, 31.

Programa de Reestruturação

O objetivo da Prefeitura de Londrina é promover, até o final desta gestão, a reforma de todas as 54 UBSs existentes na cidade. Segundo Machado, após o início das obras nas 11 unidades de saúde que estão no primeiro lote de reformas, um segundo lote de 20 UBSs terá início a partir de 2019.

Essas melhorias fazem parte do Programa de Restruturação da Saúde Pública Municipal, que contempla também a reforma do Pronto Atendimento Infantil (PAI) e da Maternidade Municipal, além da construção da nova sede do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e do Centro Especializado de Reabilitação (CER), para atender pessoas com deficiência. Os recursos para estas obras já estão garantidos e advém da Prefeitura, Governo do Estado e Governo Federal.

Somente o governo do Paraná destinou aproximadamente R$ 11 milhões para recuperação das 54 UBSs de Londrina. Até agora, além da unidade do Piza, estão em reforma as do Jardim do Sol, Vila Casoni, Jardim Alvorada, Conjunto Habitacional Carnascialli, Centro Social Urbano (CSU), do Conjunto Habitacional Ernani Moura Lima e Conjunto João Paz. Em 2017, já foram entregues as reformas das UBSs do Jardim Panissa/Maracanã e do Parque das Indústrias.

Outros avanços

Durante a solenidade, o prefeito lembrou de outros avanços que a Prefeitura de Londrina tem alcançado. Entre eles estão a aquisição de mais ambulâncias, visto que de quatro veículos em 2017, agora há 15 ambulâncias para socorrer a população por meio do SAMU. Também está em funcionamento, desde o final de agosto, o Mutirão de Saúde Auditiva, em que a Prefeitura fará ao todo um aporte de R$ 600 mil ao Instituto Londrinense de Educação de Surdos (ILES) para a aquisição e distribuição de 80 aparelhos auditivos a mais por mês, durante meio ano.

O município também está investindo na construção do Centro Especializado de Reabilitação (CER), que atenderá cerca de 700 pessoas com deficiência diariamente, com médicos, fisioterapeutas, fonoaudiólogos, psicólogos e outros profissionais.

Na área da educação, esta semana, o prefeito assinou a ordem de serviço para a construção de um Centro Municipal de Educação Infantil (CMEI) no Distrito de Lerroville, que atenderá 130 crianças de zero a 4 anos de idade. Além desse (CMEI), Marcelo disse que outras seis construções serão assinadas nas próximas semanas.

Ana Paula Hedler e Dayane Albuquerque

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios