Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Permissão vem acompanhada de uma série de medidas de controle e combate ao novo coronavírus, que devem ser seguidas rigorosamente

A Prefeitura de Londrina liberou a utilização de piscinas para atividades de lazer, nos clubes sociais, respeitando uma série de medidas de controle e combate ao novo coronavírus. A permissão foi publicada no Decreto Municipal nº 1.304, dispostos no Jornal Oficial de quarta-feira (11). (http://www.londrina.pr.gov.br/images/stories/jornalOficial/Jornal-4204-Assinado-Pdf.pdf) para acessar o documento.

Entre as medidas estão: limitação de utilização simultânea de, no máximo, 50% da capacidade total do local, incluindo-se a “área seca” no entorno da piscina; proibição de qualquer tipo de aglomeração no espaço, observando-se o distanciamento mínimo de dois metros entre as pessoas não conviventes; obrigatoriedade de correto uso de máscaras de proteção mecânica, por todos aqueles que utilizarem a respetiva área, para quaisquer fins, e por todo tempo enquanto permanecerem fora da piscina.

O decreto também determina que seja feita uma eficaz e rigorosa limpeza e higienização diária da piscina, bem como da “área seca” no entorno da mesma, e ainda de todas as superfícies de toque (escadas, cadeiras, mesas, portas, portões, maçanetas, trincos, corrimãos, etc) existentes no local.

Também obriga um constante e rigoroso controle e higienização das piscinas, ajustando-se os parâmetros químicos da mesma, de forma a manter a concentração de cloro na água entre 2,0 ppm e 3,0 ppm, a alcalinidade, entre 80 e 120 ppm, e o pH, entre 7,2 e 7,8, com os respectivos registros diários das medições. Duchas e vestiários estão proibidos, procedendo, inclusive, à interdição dos referidos espaços, impossibilitando o acesso e utilização por qualquer pessoa.

NCPML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios