Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Atividades serão de 13 a 17 de agosto para cerca de 200 alunos

A Secretaria Municipal do Ambiente (Sema) levará a Biblioteca Móvel Ambiental a quatro escolas municipais de Londrina nos próximos dias, alcançando cerca de 200 alunos do Ensino Fundamental. As atividades começam no dia 13 e vão até o dia 17 de agosto. A primeira escola a ser atendida será a Escola Municipal Hikoma Hudihara, que fica na Rua Orlando Silva, 762. Os 61 alunos do quarto ano vão participar da atividade na segunda-feira (13), das 9h às 11h.

Segundo a diretora da escola Hikoma Hudihara, Iracema Ribeiro, esse tipo de atividade estimula os alunos a criarem um hábito de leitura. “A Biblioteca Móvel Ambiental aproxima as crianças da literatura e do ambiente de biblioteca, além de conscientizar os alunos sobre a questão ambiental”, frisou.

Programação

De 14 ao 17, as atividades prosseguem das 14h às 17h. Na terça-feira(14), o ônibus será levado aos alunos do terceiro ano da Escola Municipal Norman Prochet, localizada na Rua Montevidéu, 528, Jardim Santa Rosa.

A Escola Municipal Nara Manella receberá a Biblioteca Móvel na quarta-feira (15) e na quinta-feira (16), com atendimento de 48 alunos do segundo e terceiro ano em cada dia. A unidade escolar fica na Rua Lázaro José C. de Souza, 318, no Conjunto Semíramis de Barros Braga.

Encerrando a agenda da semana, na sexta-feira (17), vão participar das atividades do projeto, os alunos de terceiro e quarto ano da Escola Municipal Odésio Franciscon, localizada na Rua Osmy Muniz, 750, no Conjunto Hilda Mandarino.

Os interessados em receber o projeto devem entrar em contato com a gerência de Educação Ambiental da Sema e fazer os agendamentos pelos telefones 3372-4768, 3372-4769 ou pelo e-mail educacao.ambiental@londrina.pr.gov.br. Os atendimentos são feitos nas próprias escolas ou em local pré-determinado.

O projeto

A Biblioteca Móvel resulta da parceria firmada entre a empresa Viação Garcia e a Prefeitura de Londrina, em 2010. Tem como objetivo conscientizar os alunos sobre a questão ambiental além de incentivar a literatura. No ônibus, que abriga um acervo de livros, gibis, revistas e outros materiais educativos, os alunos assistem a vídeos e filmes, fazem leituras e debates sobre preservação, entre outras atividades.

NC/PML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.