Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O Conselho Municipal de Meio Ambiente (Consemma) de Cambé aprovou o plano de trabalho da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente com ações de educação, preservação e controle ambiental.

O plano contempla recursos para a aquisição de mudas de árvores com proteção em tela metálica para o Programa Municipal de Arborização Urbana, cuja prioridade são os lotes que não tem árvores plantadas.

Outra ação contemplada com a aprovação do plano é o da aquisição e instalação de lixeiras em locais com grande circulação de pessoas, como praças e avenidas comerciais do município.

Na área da educação o plano estabelece a confecção e instalação de placas educativas com os dizeres “proibido jogar lixo ou entulhos” visando conscientizar a população. O plano contempla ainda a aquisição de veículos e equipamentos necessários para o desenvolvimento das ações ambientais.

Segundo o técnico responsável pelas questões ambientais, Paulo César de Godói, e o secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Claudiney Gloor, a arborização será intensificada com o uso de espécies nativas com potencial para a arborização urbana.

“O objetivo é compatibilizar o desenvolvimento urbano com a melhoria da qualidade do meio ambiente”, afirmam. Ambos esclarecem que a ação de arborização já é desenvolvida e em 2012 o trabalho será intensificado. O plantio de árvores, segundo eles, será com a devida proteção e com espécies como a Quaresmeira, Manacá da Serra, Reseda ou Extremosa, Canelinha e Ipê Branco. “A ordem é plantar a árvore certa no local correto, com a utilização de espécies adequadas ao ambiente construído”, acrescentam.

O técnico Paulo César de Godói informa ainda que toda a ação de arborização urbana será executada em consonância com o trabalho de conscientização da população. “Não serão retiradas ou substituídas árvores sadias. Haverá somente o plantio, em frente aos lotes que não tem nenhuma árvore plantada, com a devida adesão do morador que assinará um termo de compromisso de fazer a rega diária até que a muda da árvore plantada esteja resistente”. O plano prevê a compra de 1.000 mudas de árvores com proteção em tela metálica.

Nas demais ações o plano autorizado pela Conselho Municipal de Meio Ambiente autoriza recursos para a aquisição e instalação de 200 lixeiras; aquisição e instalação de 200 placas educativas; aquisição de um veículo; aquisição de uma câmera digital; aquisição de um notebook; aquisição de data show; e aquisição de tela de projeção retrátil com tripé. O investimento total é de R$ 151 mil.

(Asimp/PMC)

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios