Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O Conselho Municipal de Meio Ambiente (Consemma) de Cambé aprovou o plano de trabalho da Secretaria Municipal de Agricultura e Meio Ambiente com ações de educação, preservação e controle ambiental.

O plano contempla recursos para a aquisição de mudas de árvores com proteção em tela metálica para o Programa Municipal de Arborização Urbana, cuja prioridade são os lotes que não tem árvores plantadas.

Outra ação contemplada com a aprovação do plano é o da aquisição e instalação de lixeiras em locais com grande circulação de pessoas, como praças e avenidas comerciais do município.

Na área da educação o plano estabelece a confecção e instalação de placas educativas com os dizeres “proibido jogar lixo ou entulhos” visando conscientizar a população. O plano contempla ainda a aquisição de veículos e equipamentos necessários para o desenvolvimento das ações ambientais.

Segundo o técnico responsável pelas questões ambientais, Paulo César de Godói, e o secretário de Agricultura e Meio Ambiente, Claudiney Gloor, a arborização será intensificada com o uso de espécies nativas com potencial para a arborização urbana.

“O objetivo é compatibilizar o desenvolvimento urbano com a melhoria da qualidade do meio ambiente”, afirmam. Ambos esclarecem que a ação de arborização já é desenvolvida e em 2012 o trabalho será intensificado. O plantio de árvores, segundo eles, será com a devida proteção e com espécies como a Quaresmeira, Manacá da Serra, Reseda ou Extremosa, Canelinha e Ipê Branco. “A ordem é plantar a árvore certa no local correto, com a utilização de espécies adequadas ao ambiente construído”, acrescentam.

O técnico Paulo César de Godói informa ainda que toda a ação de arborização urbana será executada em consonância com o trabalho de conscientização da população. “Não serão retiradas ou substituídas árvores sadias. Haverá somente o plantio, em frente aos lotes que não tem nenhuma árvore plantada, com a devida adesão do morador que assinará um termo de compromisso de fazer a rega diária até que a muda da árvore plantada esteja resistente”. O plano prevê a compra de 1.000 mudas de árvores com proteção em tela metálica.

Nas demais ações o plano autorizado pela Conselho Municipal de Meio Ambiente autoriza recursos para a aquisição e instalação de 200 lixeiras; aquisição e instalação de 200 placas educativas; aquisição de um veículo; aquisição de uma câmera digital; aquisição de um notebook; aquisição de data show; e aquisição de tela de projeção retrátil com tripé. O investimento total é de R$ 151 mil.

(Asimp/PMC)

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.