Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Ação será realizada na sexta-feira (29); números da dengue foram divulgados

Amanhã (29), os agentes de endemias da Secretaria Municipal de Saúde vão participar de uma atividade de preservação da Bacia do Córrego Água Fresca, primeiro manancial de abastecimento público da cidade e afluente do Lago Igapó. A ação faz parte do Programa de Conservação dos Recursos Hídricos da Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar). O ponto de encontro será na Avenida Juscelino Kubitschek, 1.132.

No período da manhã, das 8 às 14 horas, os agentes vão divulgar, para os moradores e comércio do Jardim Quebec, a ação que acontecerá à tarde. Segundo a educadora em Endemias da Secretaria Municipal de Saúde, Lucimara Vasconcelos, os profissionais irão convidar a população para participar da iniciativa, além de orientar sobre como fazer a preservação do córrego, inclusive sobre a forma adequada de armazenar o lixo.

“Quando armazenado de forma inadequada, o lixo pode ir para o córrego e contaminá-lo. Além dos prejuízos ao meio ambiente, isso pode acarretar na proliferação do mosquito Aedes aegypti, transmissor da dengue e outras doenças, e riscos de outras endemias, como as provocadas pelo caramujo africano e escorpião”, explicou.

De acordo com Lucimara, no período da manhã, durante a divulgação da ação, os agentes também entregarão panfletos, sobre o combate ao Aedes, que inclui informações sobre os meios de prevenção, sobre as doenças provocadas por ele, além do armazenamento do lixo. “Também vão entregar um panfleto da Sanepar, que orienta a comunidade sobre o descarte do óleo de cozinha”, disse.

À tarde, das 14 às 16 horas, os agentes de endemias conduzirão um bate-papo, que visa a conscientização sobre o combate ao Aedes aegypti e outras endemias, com aproximadamente 100 pessoas, sendo 40 alunos do Centro Estadual de Educação Profissional Professora Maria Do Rosário Castaldi, 20 colaboradores da Sanepar e 40 parceiros.

O ponto de encontro será o estacionamento da Sanepar, que fica na Avenida Juscelino Kubitschek, 1.132. “A ação prevê uma caminhada pelo córrego, onde os participantes irão conversar sobre a preservação do local. O objetivo é fazer a preservação da bacia, além de promover a conscientização sobre a maneira correta do armazenamento do lixo, prevenção de doenças causadas pelo o Aedes e outras endemias”, contou Lucimara.

A ação conta ainda com a parceria da Companhia Municipal de Trânsito e Urbanismo (CMTU) e Secretaria Municipal de Obras e Pavimentação, que realizou um levantamento da drenagem de águas pluviais para elaboração de um projeto para adequação.

Números da dengue

A Secretaria Municipal de Saúde divulgou, nesta quarta-feira (27), o boletim semanal com os dados sobre a dengue em Londrina. Do início do ano até o momento, foram registradas 1.627 notificações relacionadas à doença. Deste total, 15 casos foram confirmados, 1.479 descartados e outros 133 estão em andamento, aguardando o resultado de exames laboratoriais.

Dayane Albuquerque/NC/PML

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios