Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O prefeito Alexandre Kireeff assinou, nesta quinta-feira (13), um decreto determinando que a substituição gradual da frota oficial seja feita por veículos que utilizem combustíveis renováveis, com preferência ao abastecimento de etanol em veículos bicombustíveis.

“É um posicionamento da Prefeitura em favor dos combustíveis renovados em detrimento aos combustíveis de origem fóssil, inclusive no perfil da frota que está se formando a partir de hoje”, salientou Kireeff.

De acordo com dados da Gerência de Patrimônio Público do município, atualmente, a frota ativa municipal é composta por 723 veículos. Destes, 287 possuem motorização flex, 195 são movidos a diesel e 241 à gasolina.

Foram adquiridos, desde o início de 2013, 165 veículos, incluindo de passeio, máquinas, ônibus, ambulâncias, caminhões, além de 10 motocicletas. Destes, 89 são de passeio e utilitário, com motorização flex.

Abastecimento - Desde janeiro deste ano, o abastecimento da frota municipal de veículos é realizado através de Cartão Combustível em 24 postos credenciados em Londrina e região. Antes, o abastecimento era feito em posto único. A iniciativa resultou em uma economia de R$5 mil por mês, além de eficiência em logística.

N.Com 

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios