Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Represa Capivara, que banha municípios da Região Norte, está com o menor nível de água de sua história, com cerca de 10% . O deputado Cobra Repórter (PSD) voltou a cobrar providências da empresa GTC do Brasil, responsável pela usina Hidrelétrica Capivara, e está em diálogo com o secretário Estadual do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo, Márcio Nunes, para buscar uma solução.

"Queremos providências urgentes, já estamos solicitando ao Ministério Público que também intervenha nesta situação. Segundo informações, em agosto o nível da represa, que já era baixo, estava em 51,8 % da capacidade, agora são pouco mais de 10%. Os prejuízos para os ribeirinhos, os piscicultores e os empreendimentos de turismo são enormes. Sem contar o prejuízo ambiental. Estamos chegando na piracema e, com este nível, como é que os peixes vão se reproduzir?", questiona o deputado.

O deputado destacou que está em contato com o secretário Márcio Nunes, o Ministério Público do Paraná e lembra que já aprovou na Assembleia Legislativa dois requerimentos solicitando providências à empresa responsável pela hidrelétrica, sem que nenhuma providência fosse tomada.

"É um desrespeito, não há norma que permita absurdo como este. Entendemos a estiagem, mas as chuvas já voltaram há um tempo, a empresa precisa se explicar. Não vamos mais aceitar isso!", enfatiza o deputado.

Meire Bicudo e Veruska Barison/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios