Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Sanepar alerta os moradores dos entornos de estações de tratamento de esgoto (ETEs) que o lançamento de lixo e resíduos em áreas baldias pode provocar faísca e fogo de forma espontânea.

No último sábado (27), ocorreu um incêndio na área coberta de árvores, bambus e jasmins que formam uma “cortina verde” ao redor da ETE Padilha Sul, no Ganchinho, em Curitiba. O fogo teve início por volta das 15 horas e foi apagado uma hora depois por bombeiros e pelos empregados da estação. Este foi o segundo incêndio no mesmo local. O primeiro foi registrado no dia 1º de junho. A queimada deste sábado foi entre a Lagoa e o condomínio.

A área da cortina verde é de 120 metros quadrados e foi criada a partir de 2009 para minimizar os odores gerados na estação. A Sanepar já providenciou a limpeza da área e o replantio da vegetação destruída pelo fogo.

A cortina verde também atende à Resolução 054/06, da Secretaria do Estado do Meio Ambiente que determina o plantio de espécies nativas no entorno do empreendimento.

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.