Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Iniciativa integra o projeto Bosque da Vida que, em uma das frentes, realiza ações de compensação de CO2 emitido pela operadora de planos de saúde

Para compensar a emissão de CO2 de 2018, a Unimed Londrina irá plantar 1,2 mil mudas de árvores nativas pelo projeto Bosque da Vida em 2019. Um plantio simbólico está programado para essa sexta-feira, dia 13. Será no condomínio Ecovillas do Lago (PR-323, Sertanópolis, região Norte do Paraná), a partir das 8h30. A iniciativa está em sua 11ª edição e tem como objetivo contribuir para amenizar as causas do efeito estufa.

Por meio da calculadora de CO2, mecanismo desenvolvido pela Unimed do Brasil, a cooperativa mensura quantas árvores serão necessárias para compensar a emissão do gás que, em grande quantidade, potencializa o efeito estufa. "As atividades recorrentes à nossa rotina, como utilização da frota, viagens de avião, geração de resíduos, uso do ar-condicionado e energia elétrica, por exemplo, são contabilizados e informados para que a calculadora emita um laudo definindo a quantidade de árvores necessárias para a compensação", explica a gerente de Sustentabilidade da Unimed Londrina, Fabianne Piojetti.

As mudas serão cedidas pelo IAP (Instituto Ambiental do Paraná) e plantadas no Ecovillas do Lago.

Em 2019, a iniciativa completou 11 anos. De lá para cá, mais de 12 mil mudas foram plantadas.

Projeto Bosque da Vida

Organizado pela área de Sustentabilidade da Unimed Londrina, o projeto conta com duas frentes. Uma é a entrega de árvores frutíferas aos pais que levam seus filhos para realizarem o Teste da Orelhinha na Clínica de Vacinas da cooperativa. A outra é o plantio de mudas nativas para compensação de CO2 emitido pela Cooperativa durante o ano.

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.