Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) destacou na sexta-feira (06) que as linhas de crédito abertas pelo Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul (BRDE) asseguraram o suporte aos comerciantes e prestadores de serviço do Paraná. Mesmo com a grave crise econômica causada pela pandemia, o Banco liberou R$ 196 milhões em créditos de janeiro a setembro deste ano. É praticamente o mesmo valor liberado nos nove primeiros meses de 2019.

 “Junto da estruturação da saúde, os governos tiveram que dar o apoio aos empreendedores, pequenos empresários e ao setor de serviços. O BRDE sempre foi um grande parceiro do setor produtivo paranaense”, disse.

O desempenho, diz o diretor Wilson Bley Lipski, demonstra o apoio do BRDE ao comércio e serviços, garantindo o suporte das atividades mesmo durante o período de forte crise deste ano.

Suporte

Um exemplo do apoio garantido pelo BRDE é o Supermercado Rickli, que no último dia 21 de outubro reabriu as portas da unidade de Jaguariaíva, após ampliação viabilizada por financiamento junto ao Banco.

O investimento no projeto de ampliação da unidade de Jaguariaíva foi de aproximadamente R$ 5 milhões e proporcionou a geração 35 novas vagas de emprego. O financiamento permitiu ao supermercado ampliar a área total do imóvel locado, de 1.100 para 1.970 metros quadrados.

Além da ampliação, a rede fez reformas na estrutura principal e substituiu alguns equipamentos, com o objetivo de aprimorar a experiência de compra dos consumidores com uma unidade mais moderna e completa.

Fundada há 35 anos, a rede Supermercados Rickli é da região dos Campos Gerais, conta atualmente com quatro unidades (Carambeí, Jaguariaíva e Arapoti). O BRDE também participou do investimento em Carambeí, em 2016, de R$ 8 milhões.

ALEP

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios