Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Assembleia Legislativa do Paraná se soma ao Governo do Estado em mais uma ação solidária de apoio às famílias paranaenses afetadas pelas consequências da pandemia do coronavírus. A Campanha Cesta Solidária Paraná tem como objetivo mobilizar os servidores públicos de todo o estado na arrecadação de alimentos da cesta básica que serão distribuídos para famílias em vulnerabilidade.

A ideia foi apresentada ao presidente da Assembleia Legislativa, deputado Ademar Traiano (PSDB), ontem (11), pela primeira dama do estado, Luciana Saito Massa, que coordena a campanha. “Nós somos solidários a essa iniciativa e vamos mobilizar todos os senhores deputados e nossos servidores para que possam contribuir com essa campanha que é tão importante para auxiliar as famílias que mais sofrem em meio a essa pandemia”, ressaltou Traiano, que durante a sessão remota desta segunda-feira anunciou a campanha e solicitou aos deputados que mobilizem seus servidores.

A estimativa é conseguir arrecadar alimentos suficientes para mais de 160 mil cestas básicas, o que pode beneficiar mais de 480 mil pessoas. “Cada família vive um momento, uma realidade dentro dos seus lares que precisa ser respeitada. Por isso, contamos com a colaboração daqueles que podem ser solidários nesse momento”.

A campanha será operacionalizada pelas instituições participantes em parceria com a Superintendência Geral de Ação Solidária do Governo do Estado, que entre os dias 18 e 23 de maio fará a recepção das doações através de um sistema de drive-thru em Curitiba, Londrina, Maringá, Matinhos, Paranaguá, Cascavel, Foz do Iguaçu, Ponta Grossa, Jacarezinho, Francisco Beltrão, Pato Branco e Umuarama. Nos demais municípios as doações poderão ser entregues nos quartéis do Corpo de Bombeiros, da Polícia Militar ou na Defesa Civil. A distribuição das cestas arrecadadas será feita pela Defesa Civil.

Na Assembleia Legislativa, os servidores podem deixar suas doações no ponto de coleta no saguão do Prédio Administrativo.

Asimp/Alep

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios