Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Com a arrecadação de mais de 115 mil itens em todo o Estado, o Sistema Federação das Indústrias do Paraná (Fiep) concluiu a campanha Essencial é Viver, uma inciativa que mobilizou empresas e pessoas físicas para prestar socorro aos paranaenses mais impactados pela Covid-19 e seus reflexos sociais. Na quarta-feira (4), em Curitiba, em conjunto com integrantes do movimento Unidos pela Vacina (UPV), foi realizada a entrega simbólica das doações ao governo estadual.

A solenidade contou com as presenças do secretário de Estado da Saúde, Beto Preto; do presidente do Sistema Fiep, Carlos Valter Martins Pedro; e da integrante do comitê gestor do UPV no Paraná, Regina Arns. Além disso, participaram por videoconferência a empresária Luiza Helena Trajano, idealizadora e presidente do UPV no Brasil; e o vice-presidente do Conselho Administrativo do Grupo Boticário e líder do UPV no Paraná, Artur Grynbaum. Também participaram executivos de algumas das empresas que fizeram doações à campanha.

“É um momento especial para o Sistema Fiep e fico orgulhoso de nossa entidade poder ter contribuído com essa ação. Somos uma entidade forte, que representa a indústria, mas que está integrada com a sociedade”, disse Carlos Valter. “Conseguimos mobilizar a indústria nesse movimento para que tivéssemos a doação de equipamentos e insumos para combater a pandemia e ajudar o governo nessa luta”, acrescentou.

Já o secretário Beto Preto disse estar emocionado com o apoio recebido pelo Estado. “A pandemia nos mostrou que ninguém consegue nada sozinho e este trabalho, que começou há alguns meses, mostra como é importante unir todas as pontas”, afirmou. “Essa mão estendida de todos nós paranaenses criou um movimento de solidariedade para a gente enfrentar esse momento difícil”, completou, acrescentando ainda que a união de esforços de toda a sociedade será importante também para enfrentar os desafios do pós-pandemia.

Volume arrecadado

A campanha Essencial é Viver atuou em duas frentes principais. Em uma delas, estimulou empresas e pessoas físicas a doarem itens para minimizar os impactos sociais da pandemia. Foram arrecadadas 12 toneladas de alimentos e quase 40 mil unidades de agasalhos e cobertores, além de outros itens. Também foram doados computadores e tablets para acesso de alunos às aulas on-line, além de 1,3 mil livros. A inciativa arrecadou ainda 16 mil materiais diversos, como produtos de higiene e limpeza, entre outros.

Na outra, em parceria com o UPV, foram solicitadas a empresas doações de equipamentos e materiais para suprir as demandas dos municípios nas ações de prevenção, apoio ao tratamento e vacinação contra a Covid-19. Foram arrecadadas 32,7 mil caixas para materiais perfurocortantes, 25 mil máscaras, 268 caixas térmicas, 240 jalecos de algodão, 107 lixeiras com pedal, 69 computadores, 20 geladeiras, 17 câmaras frias e dois freezers para armazenamento de vacinas. O valor dos itens, doados por 16 empresas, equivale a mais de R$ 1 milhão.

Para efetivar essa ação, o UPV realizou uma pesquisa das demandas dos municípios paranaenses, levantando quais prefeituras tinham algum tipo de necessidade para realizar o processo de vacinação. Em seguida, o Sistema Fiep compilou os dados, definindo quanto de cada item ou equipamento era necessário em cada município. “Tivemos um desafio de entender como seria a melhor forma de auxiliar os municípios do Paraná a eliminar barreiras para a vacinação”, explicou Artur Grynbaum. “E a parceria com a Fiep foi construída com muito diálogo, transparência e foco”, ressaltou.

Luiza Helena Trajano destacou a união de esforços realizada no Paraná para mobilizar as empresas dentro de um movimento nacional lançado no começo do ano. “Juntos somos mais fortes, que bom que pudemos agregar nessa campanha”, disse. “Em janeiro, vimos que não haveria outra forma de voltar ao normal se não fosse pela vacina. O essencial era viver, o essencial era a vida, e a gente só poderia vencer juntos”, acrescentou.

Empresas doadoras

Na solenidade desta quarta, foram homenageadas empresas que realizaram doações. São elas: Accenture, Centro de Diagnóstico Capão Raso, Ebanx, Electrolux, Ibema, Instituto Positivo, Lapidus Network, Mitt Consultoria, Neodent, Policlínica Capão Raso, Positivo Tecnologia e Unimed Curitiba. Houve ainda o reconhecimento do Conselho Paranaense de Cidadania Empresarial (CPCE), ligado ao Sistema Fiep, que também se envolveu na campanha.

Rodrigo Lopes/Asimp/Fiep

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.