Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A Sociedade Giuseppe Garibaldi elegeu na noite de segunda-feira (17) a nova diretoria para o exercício 2019/2022. A ex-governadora do Paraná, Cida Borghetti, é a nova presidente da entidade, que reúne italianos e descendentes. Ela liderou a única chapa inscrita e foi eleita por unanimidade em cerimônia no Palácio Garibaldi no centro histórico de Curitiba.

Cida, que faz parte do Conselho Deliberativo da Sociedade, será a primeira mulher a comandar a entidade em 136 anos de história.

“Quero continuar colaborando com a sociedade Giuseppe Garibaldi. O meu propósito é cuidar deste extraordinário patrimônio no centro histórico de Curitiba. Imigrantes se reuniram para continuar a tradição italiana no nosso Estado. Aqui está a história das nossas famílias”, disse.

“Quando criança sonhava em conhecer quem morava neste palácio. Tinha o sonho de entrar no espaço. Hoje me vejo aqui com todos vocês na condição de primeira mulher presidente da sociedade. Quero agradecer a confiança de todos e pedir a colaboração dos associados. Precisamos de ideias e apoios para poder fazer a diferença”, acrescentou Cida.

O atual presidente Benoni Manfrin conclui seu mandato até o final do mês.  A nova gestão toma posse no dia 01 de julho. “Eu tenho certeza que a sociedade Garibaldi nunca esteve em tão boas mãos”, disse Benoni ao parabenizar e desejar sucesso aos eleitos.

Além de Cida, a nova diretoria tem o vice-presidente, Benoni Constante Manfrin; o diretor financeiro e do patrimônio, Cliceu Luis Bassetti; o diretor administrativo Jose, Eduardo Gastaldi; o diretor cultural e relações públicas, João Felipe Ribeiro da Costa Oliveira e o assessor jurídico Roberlei Aldo Queiroz.

O conselho fiscal é formado por Vittorio Romanelli, Luis Mario Luchetta, Giuseppe Lanzuolo, Juraci Barbosa Sobrinho, Fernando Eugenio Ghignone, Rodrigo Linne Neto, Francesco Pallaro, Paulino Viapiana e Walter Antonio Petruzziello. Já o conselho deliberativo conta tem Celso Luiz Gusso,Virgílio Moreira Filho, João Carlos Almeida Formighieri, Amílcar Rafael Greca, Rubens Aparecido Gennaro, Ragnhild Gabbe Borgomanero, Jean Carlo Leek, Sandro Gilbert Martins e Flavio Zanette.

Festa

Cida e Manfrin também reforçaram o convite para a população participar da 1ª Festa da Itália que ocorre no Palácio Garibaldi até o dia 28 de Junho.

Com as portas abertas de terça-feira a domingo durante o período da festa, entre eventos privados e abertos ao público, o Palácio será palco de atrações artísticas, culturais e gastronômicas, voltadas para adultos e crianças.

Além de usufruir de uma programação vasta, com exposições, feiras, apresentações musicais e de dança, o público terá a oportunidade de conhecer as instalações do histórico Palácio Garibaldi.

Os organizadores esperam atrair pessoas de todas as idades e bairros de Curitiba e Região Metropolitana, bem como descendentes e famílias que mantém as tradições italianas em colônias espalhadas pelas cidades paranaenses.

Construído entre os anos de 1887 e 1904, o Palácio Garibaldi carrega em sua identidade uma arquitetura neoclássica. Sede da Sociedade Giuseppe Garibaldi, fundada em 1883, o Palácio foi tombado pelo Patrimônio Histórico e Artístico do Paraná.

(Bem Paraná)

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios