Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O vice-líder do Governo, deputado estadual Cobra Repórter (PSD), apresentou na segunda-feira (29), na Assembleia Legislativa do Paraná, um requerimento solicitando providências para segurança nas passagens de nível de cruzamentos entre ruas e rodovias com as ferrovias e a implantação de sensores digitais de presença, cancelas automatizadas, sinalização pictográfica com painéis de LED e outros dispositivos de alerta e segurança.

Com a medida, tragédias como a ocorrida no último sábado (27), em Rolândia, poderiam ser evitadas, quando mãe  e filha perderam a vida em um acidente na linha férrea. O carro teve problemas ao cruzar a linha e as duas não conseguiram sair a tempo do veículo, que foi atropelado pelo trem.

 “Estamos pedindo urgência na implantação destas novas medidas nas passagens de trens pelas cidades. Muitos municípios ainda são cortados pelas linhas férreas, o que impõe grande perigo à população. Por isso, estamos pedindo a instalação das cancelas automáticas e sinalização luminosa intensa”, defendeu o deputado.

Cobra Repórter lembra que está em tramitação na Assembleia desde 2019 um projeto de sua autoria que solicita a suspensão dos avisos sonoros, ou seja as buzinas dos trens durante a noite, no período de 22 às 6 horas da manhã e, para o alerta, já havia solicitado a utilização de dispositivos mais modernos como as luzes de led e as cancelas automáticas.

Ele ressalta ainda que o Paraná e o Brasil estão investindo maciçamente na ampliação da malha ferroviária, meio de transporte fundamental para o desenvolvimento da nação, mas além desta ampliação é preciso promover a modernização dos avisos de segurança para passagem de locomotiva. “Hoje, os trens são monitorados via GPS e é fácil prever a sua passagem pelas cidades, então, não importa o quanto precise ser investido, o que importa é a segurança e a vida das pessoas”, enfatiza Cobra Repórter.

O requerimento é endereçado ao secretário de Estado da Infraestrutura e Logística do Paraná, à  Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) e a Rumo Logística.

Meire Bicudo e Veruska Barison/Asimp

#JornalUnião

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.