Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

No Paraná, a lei de autoria do deputado estadual Cobra Repórter (PSD), que instituiu a Semana Detox Digital, realizada anualmente a partir do dia 10 de outubro (Dia Mundial da Saúde Mental), tem chamado a atenção da sociedade paranaense em relação aos impactos prejudiciais que a internet tem causado em crianças devido ao uso imoderado das redes sociais.

 “Estamos na Semana Detox Digital Paraná e nada melhor do que debater esse assunto com quem entende! Na live, realizada na noite desta quarta-feira (13), com a professora Cineiva Campoli Tono, falamos dos impactos na saúde, na segurança, nas relações sociais e na área educacional”, disse o deputado Cobra Repórter, que também é o presidente da Comissão de Defesa da Criança, do Adolescente, do Idoso e da Pessoa com Deficiência (Criai) da Assembleia Legislativa.

Cineiva Campoli Tono, doutora e integrante da Força-Tarefa Infância Segura (Fortis) da secretaria estadual da Justiça, Família e Trabalho (Sejuf), explicou que as crianças estão cada vez mais distantes do processo cognitivo, de linguagem, de aprendizagem, lendo menos, afastando-se das questões ligadas à arte, cultura, música e esporte, pois a tecnologia está cativando cada vez mais elas!

A doutora destaca que a recomendação da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) é que as crianças de 0 a 2 anos não usem a tela digital, mesmo a televisão; de 2 a 5 anos, uma hora supervisionada; de 5 a 12 anos, duas horas com supervisão.

“A SBP já publicou seis cadernos orientativos demonstrando, com bases científicas, os malefícios do uso das tecnologias na infância e na adolescência, como a perda do contato com o outro, problemas de coordenação motora, pois não utilizam mais lápis, falta contato com a natureza, com os animais... Culturalmente, é uma infância entristecida, cabisbaixa, com problemas de ordem músculo-esquelética, de comportamento, de linguagem”, reforçou ela.

A integrante da Fortis lembra que o Governo do Estado tem realizado ações nesta Semana Detox Digital, como a distribuição de cards e uma blitz educativa realizada em Curitiba, na quinta-feira (14).

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.