Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Estamos nos aproximando do fim de um longo período de pandemia. Pelo menos, ao que parece, os números divulgados pela imprensa são animadores. No entanto, o deputado estadual Requião Filho (MDB), está questionando a Secretaria de Estado da Saúde a respeito dos números oficiais de leitos ainda disponíveis no Estado, exclusivos para tratamento da Covid-19, e o andamento da imunização.

Em ofício encaminhado ao Secretário da Saúde, Beto Preto, na última semana, o dpeutado pede que seja enviado um relatório completo sobre os leitos públicos, enfermarias e UTIs em todos os municípios do Estado nos meses de setembro, outubro e novembro, relacionando todas as internações, números de pacientes atendidos, imunizados e óbitos registrados nesse período.

 “Também queremos saber se há profissionais da saúde ou servidores do Estado que se recusaram a se vacinar e quais as medidas de segurança adotadas quanto a isso. Afinal, se o fato de uma grande parcela da população não se vacinar, ou não completar a imunização, pode aumentar o risco de surgimento de variantes que podem eventualmente não responder às vacinas disponíveis. Por isso os cuidados devem continuar e a vacinação também”, declarou.

Requião Filho encerra o ofício pedindo uma declaração oficial do Governo, com uma explicação técnica, sobre como a vacinação tem contribuído para a redução no número de internações e mortes no Estado.

ALEP

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.