Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

A deputada estadual Luciana Rafagnin (PT) protocolou um requerimento ao governador Carlos Massa Ratinho Júnior (PSD) e ao secretário de estado da Justiça, Família e Trabalho, Ney Leprevost, sugerindo ao governo que disponibilize gás de cozinha às famílias em situação de vulnerabilidade social no Paraná. A parlamentar lembra que a crise do coronavírus agrava a problemática do desemprego, da fome e acelera a redução da renda das famílias paranaenses. "O gás é item essencial e vai ser mais ainda quando as temperaturas despencarem", argumentou.

De acordo com dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE de 2018, cerca de 1,5 milhão de paranaenses se encontrariam abaixo da linha da pobreza, com renda mensal per capita de R$ 420,00 (quatrocentos e vinte reais). Destes, quase 306 mil pessoas teriam renda mensal de até R$ 145,00 (cento e quarenta e cinco reais).

"É papel do estado assegurar alimentação adequada, demais direitos sociais, especialmente nesse momento de crescente desemprego e diminuição da renda das famílias por conta da crise do coronavírus", disse a deputada Luciana.

Asimp/Alep

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios