Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

“O número de novas empresas abertas cresceu no Paraná mesmo em meio à pandemia do novo coronavírus. O saldo de aberturas na Junta Comercial do Paraná foi de 136.379 novos empreendimentos até outubro. Esse resultado é 31% maior que no mesmo período do ano passado. É o Paraná dando exemplo para o Brasil mais uma vez!”, afirmou o vice-líder do Governo, o deputado estadual Cobra Repórter (PSD).

O deputado destaca ainda outros resultados que já comprovavam isso: o Paraná também fechou quatro meses consecutivos de saldo positivo na criação de empregos com carteira assinada, o empreendedor tem confiança no Estado, por causa da facilidade e agilidade para constituir uma nova empresa desde a criação do programa Descomplica, que desburocratiza os processos de abertura, alteração e baixa de empresas.

Os dados da Junta Comercial mostram que, na prática, mais empresas foram abertas e um menor número encerrou as atividades em 2020. O número total de novas empresas até outubro foi superior a todas as constituições de 2019, quando 193.157 empreendimentos foram registrados no Estado. De janeiro a outubro deste ano, 194.568 empresas foram constituídas no Paraná, contra 166.922 em igual período do ano passado, crescimento de 17%.

Os CNPJs encerrados chegaram a 58.189 nos dez primeiros meses, enquanto no ano passado foram 62.879, uma diferença de 8%. Para o governador Ratinho Junior, o Paraná vem se recuperando aos poucos da crise causada pela pandemia. “Um reflexo dessa retomada está no número de pessoas que estão empreendendo atualmente. Da parte do Estado, cabe dar a garantia, a segurança jurídica e facilitar esse processo, para que haja menos burocracia para quem busca constituir uma empresa”, afirma.

Meire Bicudo e Veruska Barison/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios