Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Evento em Curitiba marca as comemorações da mais jovem Federação do setor produtivo paranaense

Um evento realizado no ultimo, 19, reuniu diversos representantes do setor de transportes de cargas estadual, nacional, entidades de classe, meio empresarial e autoridades executivas e legislativas na cidade de Curitiba.  O motivo foi a celebração dos 25 anos da Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado do Paraná – FETRANSPAR, a mais jovem instituição do setor produtivo do Estado.

Quem conduziu a cerimônia foi o presidente da instituição, Coronel Sérgio Malucelli. Em seu discurso ele lembrou a trajetória da Federação, suas conquistas, a parceria com diversos órgãos da sociedade ressaltando a importância do setor produtivo do transporte de cargas paranaense. “Não é o trem, o navio ou o avião que vão chegar a farmácia, ao supermercado as lojas e ao comercio como um todo. É o caminhão, que com o trabalho do transportador promove essa ponte com o comércio e com todos os demais setores da sociedade”, destacou.

Malucelli lembrou ainda que a representatividade da FETRANSPAR engloba hoje mais de 20 mil empresas transportadoras de cargas de todo o Estado em praticamente todos os segmentos da Economia.

Juntas essas empresas empregam mais 320 mil pessoas. O setor de transportes de cargas do Paraná, que hoje conta com uma frota de quase 1 milhão de caminhões, representa uma parte significativa do PIB do estado: 5.7%.

Os sindicatos que fazem parte da Federação, abrangem todo o território estadual, estando presentes nas cidades Curitiba, Ponta Grossa, Maringá, Francisco Beltrão, Dois Vizinhos, Foz do Iguaçu, Cascavel, Toledo e Guarapuava.

Recentemente a instituição também agregou a sua administração o Sistema S no Estado do Paraná. Desta forma todo o trabalho desenvolvido pelo Serviço Social do Transporte (SEST) e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (SENAT), passam por sua supervisão, comungando inclusive da mesma presidência.

Sérgio Malucelli que está em seu segundo mandato na Federação, também criticou a corrupção e a gestão de líderes que buscam fazer da política um balcão de negócios, que segundo ele atrasa o desenvolvimento do país.

“Como qualquer outro setor da economia brasileira, o transporte rodoviário de cargas também enfrentou a crise econômica que assolou o país, fruto dos desmandos, da incompetência de gestores públicos que levaram o país a recessão, levaram a 13 milhões de desempregados, ao abando da infraestrutura rodoviária, resultando em péssimos exemplos. Mas aos poucos a justiça está sendo feita.

História

Para organizar o setor de transporte de cargas  do Paraná, em 1993, foi criada a Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Paraná- FETRANSPAR.

Ao longo dos anos, a Federação se tornou referência na discussão e intermediação de questões importantes para os empresários e trabalhadores do setor, como tributação, encargos, temas econômicos e de legislação.

Um exemplo foi a implantação do Programa Carga Online, que acabou com as filas de caminhões na rodovia de acesso ao Porto de Paranaguá.

Fortalecer o setor de transporte no estado é missão da Federação e isso se desenhou ao longo dessas mais de duas décadas de histórias, independentemente do cenário político e econômico que se apresentasse.

Hoje a representatividade da FETRANSPAR é forte em todos os órgãos e instituições estatuais e nacionais ligadas ao setor. Essa abertura consolida a atuação e facilita parcerias em benefício dos associados.

Os sindicatos de empresas de transporte também se fortaleceram. Hoje são nove deles ligados a Federação em regiões estratégicas do estado.

Há mais de uma década a instituição também prioriza a sustentabilidade. Por meio do Programa DESPOLUIR - da Confederação Nacional do Transporte -  A Fetranspar realiza aferições de frotas em todas as regiões paranaenses. Unidades móveis vão até os veículos e as empresas que fazem a adesão ao programa, ganham o selo de certificação, comprovando que atendem as normas de controle da poluição.

Em 10 anos, somente no Estado do Paraná, foram feitas mais de 70 mil aferições, evitando a emissão de toneladas de gases no ambiente.

É papel da Federação atender as demandas do setor para garantir expansão e segurança. Foi assim que nasceu a primeira Delegacia de combate ao Roubo de Cargas do Paraná, uma iniciativa que ajuda a reduzir a violência nas estradas. Também foi iniciativa da Fetranspar a criação do Comitê Pró-Carga Paraná, com a clara intenção de unir forças policiais, de todas as esferas, no combate ao crime.

A força das transportadoras do Paraná se destaca no cenário nacional, com participação ativa nas discussões fundamentais, como o Marco Regulatório do Setor de Transportes e as diferentes reformas discutidas no Congresso Nacional. O apoio a juventude empresária também é uma das bandeiras levantadas por meio do apoio as atividades da Comissão de Jovens Empresários (Comjovem).

Com trabalho consolidado, a Fetranspar assumiu a gestão do Sest- Senat no Paraná em 2017, tornando ainda maior o acesso aos serviços dessas instituições. Os atendimentos focam saúde, qualificação, avaliação do profissional e atividades sociais. Para treinar o motorista, simuladores de alta tecnologia oferecem aos motoristas oportunidade de se preparar em condições reais para os riscos e imprevistos das estradas.

Everson Mizga/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios


Notice: Undefined variable: usuario_tk in /var/www/vhosts/jornaluniao.com.br/httpdocs/widget_footer.php on line 245
NULL