Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O governador Carlos Massa Ratinho Junior defendeu ontem (16) que o Brasil deve retomar o projeto do corredor bioceânico ligando o Porto de Paranaguá ao porto de Antofagasta, no Chile, com passagem por Paraguai e Argentina. O assunto foi tratado com o presidente Jair Bolsonaro durante recepção ao presidente argentino Maurício Macri, no Palácio do Planalto, em Brasília.

“Estou defendendo que o presidente Bolsonaro leve este assunto para Davos”, afirmou o governador do Paraná. O Fórum Econômico Mundial começa no próximo dia 21 e segue até 25 de janeiro, na Suíça. Ratinho Junior lembrou que é importante o aval brasileiro e dos demais países envolvidos para que o projeto avance. Segundo ele, a proposta é que a Itaipu Binacional elabore um projeto executivo da obra que ligaria o oceano Atlântico ao Pacífico.

A discussão sobre assunto, de acordo com o governador, será ampliada em reunião que será agendada com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas. Ratinho Junior também aproveitou o encontro em Brasília para uma conversa com o ministro da Justiça, Sérgio Moro, para tratar de questões de segurança.

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios


Notice: Undefined variable: usuario_tk in /var/www/vhosts/jornaluniao.com.br/httpdocs/widget_footer.php on line 245
NULL