Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

No último dia 28, o Paraná teve a primeira audiência virtual de conciliação do Ibama no Estado – essa foi a terceira audiência on-line do Brasil. Por conta da pandemia, o orgão regulamentou as audiências virtuais no final do ano passado, atualizando o Decreto 6514/08 de 2019. A primeira audiência on-line do Ibama no País foi no início de janeiro, em Santa Catarina.

Essa audiência de conciliação virtual vem para dar andamento e desburocratizar decisões de autuações que, só em 2019, ultrapassaram 10 mil processos aguardando resolução. Nesta audiência, duas multas foram aplicadas pelo Ibama a um produtor rural da cidade de Ipiranga, Paraná, e a defesa foi feita pela advogada, sócia do escritório Pineda & Krahn, de Curitiba, Luiza Furiatti, que tem mais de 10 anos de experiência na área ambiental.

 “Uma área no município de Ipiranga recebeu duas multas em agosto de 2020, uma de R$ 120 mil e, outra, de R$ 65 mil. Com a conciliação conseguimos reverter a multa com desconto de 60% e parcelamento em até 60 vezes”, explica a advogada.

Para Luiza Furiatti, a audiência virtual teve procedimento rápido, transparência e deu celeridade porque já resolveu a questão da multa com o acordo. “O produtor rural é uma pessoa idosa e participou via celular junto com o filho. Imagina se ele tivesse que se deslocar para isso. Se seguíssemos o procedimento normal, a questão iria demorar muito para se resolver”, comemora Luiza.

A audiência teve a participação de dois conciliadores do IBAMA e uma coordenadora da audiência. “A sessão de conciliação foi muito organizada e transparente. Foi realizada por servidores do IBAMA e ICMBIO, com a explicação das possibilidades de conciliação ofertadas naquele momento. É o movimento do futuro”, finaliza a advogada do Pineda & Krahn.

Flavia Amarante/Asimp

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.