Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.
Assembleia Legislativa do Estado do Paraná

Nas últimas semanas, foram frequentes as notícias relacionadas ao ajuizamento de ações civis públicas pelo Ministério Público do Paraná no enfrentamento à pandemia de coronavírus (Covid-19). Na maior parte dos casos, o expediente foi utilizado pelas Promotorias de Justiça para assegurar o cumprimento de medidas para restringir a circulação de pessoas suspeitas ou com confirmação da doença, para requerer aos gestores de saúde a elaboração de planos de contingência para o atendimento às vítimas ou como forma de impor a administrações municipais a necessidade de suspensão de atos que contrariavam determinações das autoridades de saúde.

Medida judicial muitas vezes adotada após a tentativa de resolução no âmbito extrajudicial – por meio de recomendações administrativas ou termos de ajustamento de conduta, por exemplo – a ação civil pública busca a responsabilização de particulares ou de agentes públicos por danos morais e patrimoniais causados contra o meio ambiente, o consumidor, o patrimônio artístico e histórico e os interesses difusos ou coletivos, como é o caso da saúde. Para entender melhor do que se trata e quando pode ser proposta a ação civil pública, ela é o tema deste mês do Entenda Direito.

Projeto

O Entenda Direito é uma releitura de iniciativa anterior – o “Pílulas de Direito para jornalistas” – lançada pela Assessoria de Comunicação do MPPR em 2005 e premiada em 2006 com o Prêmio Nacional de Comunicação e Justiça. Inicialmente voltada aos profissionais da imprensa, o projeto agora busca comunicar-se com toda a população. A proposta é ampliar o entendimento das pessoas sobre questões que podem impactar diretamente o seu dia a dia, por meio de textos simples e diretos que buscam “traduzir” expressões do universo jurídico.

Improbidade

Em março, o tema foi “improbidade administrativa”, assunto frequente nas divulgações do MPPR e que se relaciona com os atos praticados por agentes públicos que geram enriquecimento ilícito, dano ao patrimônio público ou violação a princípios da administração pública, como legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência.

Acesse a página do Entenda Direito (http://www.comunicacao.mppr.mp.br/modules/noticias/arquivo.php?topic_id=62)

Asimp/MPPR

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios