Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Ministério Público do Trabalho no Paraná (MPT-PR) registrou, até segunda-feira (13 de abril), 530 denúncias de irregularidades trabalhistas relacionadas exclusivamente à Covid-19. De acordo com levantamento realizado pelo Ministério Público do Trabalho, o estado está em sexto lugar entre as 24 unidades regionais do MPT em número de notificações. Em todo o Brasil, foram registradas mais de 7.565 irregularidades desde o início da pandemia.

No início da propagação do vírus, o maior número de denúncias no Paraná era relacionado a empresas de call center, em função do grande número de pessoas empregadas em um mesmo espaço físico. Agora, as denúncias são generalizadas – embora ainda com grande número de irregularidades em empresas de telemarketing – e atingem os mais variados setores, como hospitais, clínicas, lojas e também o serviço público (neste caso, normalmente relacionadas à possibilidade de teletrabalho).

Como fazer denúncias

As denúncias podem ser feitas preferencialmente pelo formulário online disponível em http://prt9.mpt.mp.br/servicos/denuncias

Telefones e horários de contato das unidades do MPT no Paraná

Curitiba: 41 3304-9000 – das 10h às 17h

Campo Mourão: 44 3599-0800 – das 10h às 16h

Cascavel: 45 3322-5450 – das 11h às 17h

Foz do Iguaçu: 45 3132-3600 – das 10h às 16h

Guarapuava: 42 3626-7250 – das 11h às 17h

Londrina: 43 3342-9221 – das 10h30 às 16h30

Maringá: 44 3309-4800 – das 9h30 às 15h30

Pato Branco: 46 3309-0300 – das 10h às 16h

Ponta Grossa: 42 3228-2600 – das 11h às 17h

Umuarama: 44 3623-8500 – das 10h30 às 16h30

Ascom/MPT/PR

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios