Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

As mortes de jovens por causas violentas diminuíram no Paraná de 2005 a 2015. A pesquisa Estatísticas do Registro Civil do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas) mostra que em dez anos houve uma redução de 27% entre os homem e de 30,1% entre as mulheres, de 15 a 24 anos, nos óbitos registrados por acidentes de trânsito, afogamentos, suicídios, homicídios e quedas acidentais. O Paraná foi o quarto estado com maior redução.

Os dados foram divulgados na quinta-feira (25) e mostram que em todo o País houve 28.584 óbitos por causas violentas em 2015, ante um número de 27.140 registrado uma década antes (aumento de 5%).

A redução nas mortes violentas entre os jovens segue uma tendência local. O Paraná registrou em 2015 o menor número de homicídios dolosos (com intenção de matar) dos últimos nove anos, de acordo com outro relatório, elaborado pela Coordenadoria de Análise e Planejamento Estratégico (Cape) da Secretaria da Segurança Pública e Administração Penitenciária.

TERCEIRO - Durante todo o ano passado foram contabilizadas 2.416 mortes por homicídios no Paraná – uma queda de 4% se comparada com o ano de 2014, que fechou com 2.515 assassinatos. É o terceiro ano seguido de redução no índice desse tipo de crime no Estado.

Os registros de 2014 já haviam revelado uma redução de 57 assassinatos, na comparação com 2013. Foram 2.515 ocorrências (2014) e 2.572 (2013). A redução ocorreu depois de outro importante recuo em 2013. Naquele ano, o índice despencou 18% em comparação a 2012.

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios