Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Projeto do Sebrae/PR em parceria com entidades empresariais tem balanço anual divulgado e crescimento foi quase 20% maior do que o registrado no ano anterior

Cerca de 130 pessoas, entre presidentes, representantes e colaboradores de associações, prefeituras, cooperativas de crédito e universidades do Paraná participaram, na última quarta-feira (1°), do 2° Encontro Estadual dos Pontos de Atendimentos do Sebrae/PR. O evento, em Curitiba, apresentou um balanço dos atendimentos realizados pelo projeto no Estado. Trata-se de uma parceria que prevê um ponto de atendimento exclusivo aos empreendedores funcionando dentro da sede das entidades empresariais. Os espaços favorecem o acesso dos micro e pequenos empresários ao portfólio de produtos e serviços do Sebrae/PR.

Em 2016, foram mais de 19 mil atendimentos realizados nestes espaços em todo o Paraná. Um crescimento de quase 20% em relação ao registrado no ano anterior. Entre os dados divulgados estão a promoção de 449 oficinas, 93 cursos presenciais, 67 palestras e 51 seminários, além de mais de 35 mil orientações prestadas nos pontos de atendimento ao empreendedor espalhados por todas as regiões do Paraná.

O evento também serviu para o fortalecimento da rede de parceiros, para definição de novas estratégias para 2017, compartilhamento de boas práticas e apresentação de cases de sucesso. Segundo a consultora do Sebrae, Sandra Trujillo Costa, os pontos de atendimento são fundamentais na integração de municípios e no desenvolvimento de micro e pequenas empresas. “Juntas as entidades empresariais se reúnem para planejar e pensar o desenvolvimento local”, justifica.

O planejamento das ações também é compartilhado. Uma das exposições mostrou a atuação integrada entre os municípios para o desenvolvimento das regiões. “As reuniões do comitê são itinerantes e acontecem cada vez em uma cidade diferente. Os conteúdos são compartilhados e aplicados em cada município do entorno pensando no crescimento conjunto”, reforça. O modelo está dando tão certo que o Sebrae já estuda aumentar os Pontos de Atendimento no Estado. Atualmente são 41 funcionando no Paraná.

Alguns destaques em números de atendimentos foram apresentados. Entre eles, índices elevados em relação à média estadual. Palmas, no sul do Estado, obteve a maior adesão de clientes atendidos no programa Clube do Empreendedor. Um crescimento de 46,9% em 2016, em relação ao ano anterior, sendo a média nas demais regiões de 24,53%. “O resultado é consequência das parcerias, de uma gestão conjunta e participativa. Mantivemos em nosso pacote as ações que deram certo e, para 2017, vamos ter de repensar algumas estratégias e nos reinventar. Temos um grande desafio pela frente e um objetivo comum que é continuar crescendo e sendo referência em nossa cidade”, defende o presidente da Associação Comercial e Empresarial de Palmas (ACIPA), Daniel Langaro.

Parceiro do Sebrae/PR na região de Curitiba, a ACIAP, de São José dos Pinhais, também prestigiou o evento. O presidente da entidade, Claudemir Gibrim, falou sobre a importância da continuidade da parceria e planos para este ano. “Na medida em as oportunidades estão abertas não só aos associados, mas a todos os moradores que buscam se aperfeiçoar profissionalmente, nossa parceria contribui para o desenvolvimento e crescimento de toda a atividade empresarial da cidade. Para 2017, a intenção é estreitar ainda mais os laços com o Sebrae-PR para ampliar o leque de cursos e treinamentos oferecidos. O trabalho que vem sendo realizado até o momento é bem visto pelos associados, tem rendido bons resultados, e mais importante ainda, é que tem feito a diferença na cidade”, resume.

Ao final do encontro foram premiados seis pontos e agentes de atendimentos tiveram os melhores desempenhos: Ponto de Atendimento de Colombo, com a agente Jessica Godoi;  Ponto de Atendimento de Irati, com o agente Fabio Prado; Ponto de Atendimento de Chopinzinho, com a agente Josiane Moschen; Ponto de Atendimento de Rolândia, com a agente Marry Joly Fontanella; Ponto de Atendimento de Maringá, com a agente Rafaela Pinha Jonas; e Ponto de Atendimento de Quedas de Iguaçu, com o agente de atendimento Dihego da Costa. O destaque estadual foi o Ponto de Atendimento de Quedas de Iguaçu.

Asimp/Sebrae/PR

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios