Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

“Neste momento se mostra imprescindível esta medida, que fomenta a indústria têxtil paranaense, ajuda o consumidor e atende, em especial, a todos os profissionais da saúde”.

Com o aumento da procura por produtos advindos da indústria têxtil e relacionados com a prevenção ao COVID-19, o Deputado Estadual Requião Filho (MDB) apresentou na última semana um requerimento na Assembleia Legislativa do Paraná recomendando que o Governo do Estado isente a cobrança de ICMS sobre produtos essenciais ao combate ao coronavírus, como máscaras e jalecos.

A ideia é facilitar a venda e a produção destes artigos de uso diário no Paraná, a fim de contribuir com a proteção de profissionais da saúde e da população, que tem pago caro por estes materiais.

“Enquanto durar a pandemia de coronavírus e a necessidade de isolamento social, sabemos que a população paranaense enfrentará sérios problemas financeiros. Com os altos preços destes produtos agora tidos como essenciais, é importante que o Estado se mostre parceiro e disposto a ajudar de todas as formas”.

O Deputado destaca que os profissionais de saúde dependem do uso de várias unidades de máscaras e jalecos por dia, de forma que este auxílio poderia vir em boa hora.

“Neste momento se mostra imprescindível esta medida, que fomenta a indústria têxtil paranaense, ajuda o consumidor e atende, em especial, a todos os profissionais da saúde”.

Asimp/Alep

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios