Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Realizada durante o 10º Congresso Nacional Moveleiro, rodada aproximou compradores de grandes e-commerces e fornecedores

Micro e pequenas empresas do setor moveleiro da região norte do Estado participaram da Rodada de Negócios – Projeto Comprador Nacional, organizada pelo Sebrae/PR durante a programação do 10º Congresso Nacional Moveleiro, em Arapongas. A rodada ocorreu nos dias 4 e 5 de setembro e favoreceu negociações e contatos entre pequenas empresas do segmento com compradores de grandes empresas nacionais, como sites de venda online.

As avaliações finais da rodada apontam a expectativa de que mais de R$ 2,2 milhões sejam fechados a partir do evento que promoveu 80 agendas entre dez grandes compradores e 23 fornecedores locais.  Rubens Negrão, consultor e gestor do projeto de Móveis do Sebrae/PR, em Arapongas, destaca o sucesso da iniciativa, que possibilitou o contato pessoal com os compradores de grandes e-commerces como Mobly e MadeiraMadeira.

“Para os pequenos negócios ter seus produtos comercializados em plataformas como essas é a chance de competir diretamente com as grandes indústrias do mercado. Outros compradores, como o Grupo Positivo, também abriram as portas para as empresas do território”, diz o consultor.

Negrão ressalta que a rodada serviu como uma oportunidade para os pequenos negócios do setor moveleiro entenderem as necessidades dos compradores, as tendências exigidas pelo mercado e, futuramente, adequarem suas produções.

A MadeiraMadeira tem sede em Curitiba e realiza mais de 100 mil entregas por dia com projeções de atingir R$ 900 milhões de faturamento em 2019. Cristian Mika, gestor de contas da empresa, esteve presente na rodada e contou que a participação foi positiva. “Foi uma boa oportunidade para conhecer novos possíveis fornecedores. Eu estava focado em identificar fornecedores que possam sanar nosso maior gap, que são os móveis para sala de jantar. Volto para a nossa sede com bons contatos”, avaliou.

Um dos fornecedores que teve agenda com o representante da MadeiraMadeira foi Rodolfo Martins, diretor comercial da KNR Móveis, de Sabáudia. “Além desta oportunidade, também tive agendas com outros grandes compradores. Esta foi a melhor rodada de negócios que participei”, assegurou.

Outra pequena empresa participante foi a Vitta Flex, de Arapongas, que produz colchões, travesseiros e jogos de cama. Júlio Cezar Freitas, administrador da indústria, levou para o evento amostras dos produtos fabricados. “Diferente dos contatos convencionais que fazemos, que geralmente são por telefone ou e-mail, na rodada eu pude conversar pessoalmente, apresentar nossos materiais para grandes compradores. Foi uma grande oportunidade para fechar novos negócios”, frisou Freitas.

Capacitação

O Congresso também promoveu uma grade de palestras, workshops e discussões acerca do segmento. O Sebrae/PR foi responsável pela realização do painel digital “transformação digital nas pequenas indústrias - um novo contexto de mercado”.  A coordenadora estadual da Indústria do Sebrae/PR, Adriana Kalinowski, foi uma das moderadoras do painel.

Em sua fala, Adriana Kalinowski destacou o ambiente digital que permite o crescimento exponencial dos pequenos negócios. “Além de estar atentos a esta nova realidade, é preciso que os empresários estejam atentos a necessidade da conferência da qualidade dos produtos produzidos, uma vez que ao vender em plataformas virtuais as empresas passam a aumentar a sua escala e a probabilidade de acontecer erros também aumenta. O processo da qualidade precisa permear todas as etapas”, apontou a coordenadora.

A 10ª edição do Congresso Nacional Moveleiro foi promovida pela Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep) e teve a correalização do Sebrae/PR.

Adriano Oltramari/Asimp/Sebrae

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios