Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Edição deste ano foi adaptada para evitar aglomeração de pessoas. As mensagens e orações aos paranaenses que perderam seus familiares para a Covid-19 e para que o Estado supere a pandemia foram transmitidas por rádio

Uma cerimônia no jardim do Palácio Iguaçu, em Curitiba, realizada no sábado (15), marcou a abertura oficial da 26ª edição da Marcha para Jesus. Ao lado de pastores de diferentes denominações religiosas da capital, o governador Carlos Massa Ratinho Junior e a primeira-dama Luciana Saito Massa acompanharam a solenidade, além de outras autoridades. O evento faz parte do Calendário Oficial do Estado.

A marcha, em si, teve início mais tarde, às 14h, com uma carreata saindo de São José dos Pinhais com destino ao Centro Cívico, em Curitiba. Por causa da pandemia de Covid-19, o evento precisou ser adaptado para que não houvesse aglomeração de pessoas. As orações e mensagens dos organizadores são transmitidas pela rádio, bastando aos ouvintes apenas sintonizar na frequência FM.

Com o lema “Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor”, a Marcha para Jesus deste ano busca trazer uma mensagem de esperança e apoio aos paranaenses que perderam seus familiares para a Covid-19. Os pastores reunidos no Palácio Iguaçu fizeram uma oração em volta do mapa do Paraná construído no jardim do local, para que o Estado supere a pandemia.

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios