Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Edição deste ano foi adaptada para evitar aglomeração de pessoas. As mensagens e orações aos paranaenses que perderam seus familiares para a Covid-19 e para que o Estado supere a pandemia foram transmitidas por rádio

Uma cerimônia no jardim do Palácio Iguaçu, em Curitiba, realizada no sábado (15), marcou a abertura oficial da 26ª edição da Marcha para Jesus. Ao lado de pastores de diferentes denominações religiosas da capital, o governador Carlos Massa Ratinho Junior e a primeira-dama Luciana Saito Massa acompanharam a solenidade, além de outras autoridades. O evento faz parte do Calendário Oficial do Estado.

A marcha, em si, teve início mais tarde, às 14h, com uma carreata saindo de São José dos Pinhais com destino ao Centro Cívico, em Curitiba. Por causa da pandemia de Covid-19, o evento precisou ser adaptado para que não houvesse aglomeração de pessoas. As orações e mensagens dos organizadores são transmitidas pela rádio, bastando aos ouvintes apenas sintonizar na frequência FM.

Com o lema “Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e o amor”, a Marcha para Jesus deste ano busca trazer uma mensagem de esperança e apoio aos paranaenses que perderam seus familiares para a Covid-19. Os pastores reunidos no Palácio Iguaçu fizeram uma oração em volta do mapa do Paraná construído no jardim do local, para que o Estado supere a pandemia.

AEN

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.