Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

Os deputados Tercilio Turini e Luiz Claudio Romanelli protocolaram ontem (30) um projeto de lei que concede o título de Cidadão Honorário do Estado do Paraná a Carlos Alberto Garcia, um dos maiores ídolos da história do Londrina Esporte Clube (LEC).

 “Foram emocionantes as imagens dele chorando na arquibancada, após a vitória do Tubarão sobre o Vasco, quando o time evitou o rebaixamento e garantiu a permanência na Série B. Uma declaração pública de como o Londrina é relevante na sua vida”, afirmou Tercílio Turini, destacando a relação apaixonada que Carlos Alberto Garcia mantém com o Tubarão como torcedor.

“Acompanhei de perto a trajetória do grande Carlos Alberto Garcia dentro e fora do campo. Um craque em todas as atividades. Ele construiu uma belíssima relação de amor com o Tubarão e com a cidade de Londrina ao longo dessas décadas”, disse Romanelli.

Homenagem

O ex-jogador Carlos Alberto Garcia é um dos maiores ídolos da história do Londrina Esporte Clube. Chegou à cidade na década de 1970 para jogar no Tubarão, emprestado pelo Corinthians.

Construiu uma carreira vitoriosa nas três passagens pelo Londrina, quando marcou 89 gols. Também conhecido como o "Bem Amado", por jogar beijos para torcida em suas comemorações, Garcia protagonizou momentos históricos na vida do Tubarão: em 1981, marcou o gol que garantiu o título de Campeão Paranaense e em 1977 marcou sete gols na campanha que levou o Londrina ao quarto lugar no Campeonato Brasileiro.

Nascido em Flórida Paulista (SP), Carlos Alberto Garcia vive no Paraná há mais de 45 anos e atualmente é empresário. Foi presidente do Londrina Esporte Clube, vereador, presidente da Câmara Municipal e comentarista de rádio.

Ricardo da Guia Rosa/Asimp/com ALEP

#JornalUnião

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.