Digite pelo menos 3 caracteres para uma busca eficiente.

O deputado Luiz Claudio Romanelli (PSB) classificou oantem (15) como "vergonha" e "ganância sem limites" o novo reajuste pretendido pela concessionária Ecocataratas que explora o pedágio da rodovia BR-277, entre Guarapuava e Foz do Iguaçu. "Sem cabimento. Estamos em plena pandemia e não importa o argumento de que já cumpriu o acordo de leniência com o Ministério Público Federal (MPF). Isso é mais uma vergonha, a ganância do pedágio não tem limites", disse.

O aumento das tarifas, conforme a própria concessionária, será de 30% e passa a vigorar a partir de sexta-feira (18) nas praças de pedágio em São Miguel do Iguaçu, Céu Azul, Cascavel, Laranjeiras do Sul e Candói.  Hoje o valor do pedágio para veículos de passeio na praça em São Miguel do Iguaçu é de R$ 11,90; em Céu Azul custa R$ 9,00; e em Cascavel, Laranjeiras do Sul e Candói, R$ 9,80.

"A reação dos motoristas é de espanto", diz matéria da CATVE. "Não podia ser diferente. E ainda pode vir novo aumento por aí ainda em dezembro, apesar da proibição da Agepar", disse Romanelli.

Em nota à imprensa, a concessionária informa que vai retomar, entre os dias 15 e 18 de dezembro, em função do acordo de leniência com o MPF, a depender da evolução do tráfego no período, os valores de cobrança sem o desconto de 30% nas praças de pedágio.  "Desde o dia 1º de outubro de 2019, os valores estão reduzidos em 30% e a empresa está prestes a atingir R$ 120 milhões em compensação tarifária em benefício dos usuários da rodovia", diz a nota.

Nas contas do Instituto Brasil Transportes, a concessionária deve ter faturado R$ 7 bilhões em 20 anos de pedágio e nem cumpriu com todas as obras previstas no contrato. "Como aumentar em 30% o pedágio em plena pandemia? Temos que denunciar mais esse assalto ao bolso do paranaense em todo País", disse o presidente do IBT, Acir Mezzadri.

ALEP

Comentários:

Seja o primeiro a comentar!


Deixe seu comentário:

Aceita receber as novidades do Jornal União em seu e-mail?
* todos os campos são obrigatórios

Utilizamos cookies e coletamos dados de navegação para fornecer uma melhor experiência para nossos usuários. Para saber mais os dados que coletamos, consulte nossa política de privacidade. Ao continuar navegando no site, você concorda integralmente com os termos desta política.